quinta, 26 de novembro de 2020

Política
Compartilhar:

Sessão na Assembleia Legislativa vira comício

André Gomes / 04 de agosto de 2016
Foto: Rafael Passos/Arquivo
Na sessão de ontem, os deputados comprovaram que o período eleitoral deve mesmo provocar mudanças nas atividades da Assembleia Legislativa. Durante toda a manhã, eles ocuparam a tribuna do plenário com o intuito de promover o debate com foco nas eleições de outubro.

As discussões foram centradas em alianças partidárias e na disputa pela execução de obras apresentadas pelos pré-candidatos ao longo dos mandatos exercidos. O curioso é que, apesar do Legislativo atender as demandas estaduais, os parlamentares se voltaram apenas para debater a disputa em João Pessoa.

Os deputados que compõem a bancada governista na Casa centraram nas críticas à aliança formada pelo PMDB e PSDB com o PSD, para reeleger o atual prefeito Luciano Cartaxo (PSD).

A oposição rebateu, disse que a sessão ordinária virou comício a favor do PSB e criticou a forma como vem atuando o governador Ricardo Coutinho, a frente da pré-campanha da socialista Cida Ramos.

O embate teve início quando, em tom de despedida, a suplente de deputada Olenka Maranhão (PMDB) fez duras criticas ao Governo do Estado. A composição formada para apoiar Cartaxo oficializou o rompimento do PMDB com os socialistas colaborou para que a deputada fosse afastada do cargo, cujo titular Trócolli Júnior (Pros).

O discurso de Olenka Maranhão foi suficiente para que os deputados da base governista ocupassem a tribuna para fazer a defesa de Ricardo Coutinho e criticar duramente a atuação do prefeito Luciano Cartaxo.

Os socialistas Gervásio Maia e Hervázio Bezerra exaltaram o projeto do PSB para João Pessoa, seguidos por Raoni Mendes (DEM) e Estela Bezerra (PSB).

Jutay Meneses (PRB) chamou a atenção dos parlamentares e ressaltou que o debate sobre quem deve ocupar vaga na Prefeitura de João Pessoa não cabe aos deputados durante o expediente.

Relacionadas