quarta, 22 de maio de 2019
Eleições
Compartilhar:

‘Seria mamão com mel’, declara Ciro Gomes sobre possível candidatura de Lígia Feliciano

Nice Almeida / 25 de agosto de 2017
Foto: Divulgação/Facebook Ciro Gomes
O ex-ministro e ex-governador do Ceará Ciro Gomes (PDT) foi o entrevistado desta sexta-feira (25) do programa Correio Debate, da rádio Correio Sat/98 FM. Ele não quis ser direto numa defesa de uma possível candidatura ao Governo da Paraíba, mas disse que gostaria que isso acontecesse. “Era mesmo que mamão com mel”, disse.

Ouça a entrevista

O motivo de se esquivar, segundo Ciro Gomes, é que o PDT nacional vai respeitar a decisão do estadual. “A lógica do PDT nacional é a do partido local. Nesse momento tem 23 estados do Brasil quebrados. A Paraíba é um dos que sobra. O que é importante é preservar o projeto da Paraíba”, alegou.

Pré-candidato a presidente da República, ele não poupou críticas a ao prefeito de São Paulo João Doria e ao deputado federal Jair Bolsonaro. “Bolsonaro e Doria não me preocupam, dá para tirar as máscaras muito ligeiro. Bolsonaro nunca administrou uma bodega. Nunca se aventurou a governar o Rio de Janeiro, e agora vem dizer que vai resolver o problema da violência”, disparou Ciro Gomes.

E ele foi mais longe ao falar de Doria. “Doria é farsante perigoso, milionário, nunca produziu uma ruela. E de onde vem esse dinheiro? Tem jatinho rodando para lá e para cá e se meteu a resolver p problema do sem teto com água gelada. Tiro a máscara dele no primeiro debate”, afirmou.

Projetos para o futuro do Brasil

O ex-ministro também falou sobre o que pensa que pode ser feito pelo país, caso seja eleito no ano que vem. “A reforma trabalhista é uma necessidade da modernidade das relações brasileiras, mas a gente debulha aquilo é uma coisa selvagem que persegue o pobre sem qualquer tipo de proteção fazendo do trabalho uma mercadoria. É preciso modernizar para o trabalhador ser parceiro da empresa isso é o que o mundo moderno faz”, declarou.

Relacionadas