sexta, 22 de janeiro de 2021

Política
Compartilhar:

Rogério Fialho prestigia a Paraíba e lança revista em última solenidade no cargo

Alexandre Kito / 01 de abril de 2017
Foto: Assuero Lima
Como parte das solenidades de despedida do desembargador Rogério Filho da presidência do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5), o magistrado participou, ontem, do lançamento da Revista Parahyba Judiciária, que chegou à 10ª edição apresentando aspectos de uma nova realidade do Poder Judiciário.

O conteúdo da publicação tem o enfoque no novo Código de Processo Civil (CPC), que entrou em vigência em 2016. A solenidade reuniu juristas que aproveitaram a ocasião para homenagear o desembargador Rogério Fialho. O exemplar também dá destaque à arte local. O lançamento aconteceu ontem na sede da Justiça Federal, em João Pessoa.

Rogério Fialho explicou que a publicação é tradição na Paraíba e que reúne artigo e monografia de personalidades do mundo jurídico. “A distribuição da revista é gratuita e de grande contribuição para o Judiciário”, disse o presidente. O diretor da publicação, o juiz federal Bianor Arruda Bezerra Neto, acrescentou que o objetivo da revista é retratar o novo Código de Processo Civil.

Ele explicou que a obra procurou abordar um tema específico, pois se trata de uma norma que tem repercussão em todos os ramos do direito. “Por isso, convocamos a comunidade jurídica para comentar. A publicação tem duas preocupações: uma é de abrir o diálogo para os juristas. A outra é de fazer uma ponte com a cultura. Por isso ilustramos a nossa revista com uma obra de um artista local”, disse o diretor.

O artista plástico e arquiteto Régis Cavalcanti, responsável pela ilustração da capa da revista, foi homenageado. Ele ressaltou que a homenagem ao universo da arte é importante, pois se expande a outras vertentes, como a do judiciário. “Foi uma honra ser lembrado para ilustrar a publicação. É uma releitura gráfica da imagem clássica da Justiça, tratado de uma maneira mais atual, moderna e de forma gráfica”, ressaltou o artista.

Prestigiado. O evento também foi marcado por ser a última solenidade em que o presidente Rogério Fialho participou a frente do Tribunal Regional. Na segunda-feira, quem assume o comando do Tribunal Regional da 5ª Região é o desembargador Manoel de Oliveira Erhardt.

Eles participaram da conferência “Desafios do Checks and Balances, ontem e hoje: democracia na América e a Suprema Corte”, proferida pelo procurador da Fazenda Nacional João Carlos Souto.

Relacionadas