sábado, 19 de junho de 2021

Política
Compartilhar:

Ricardo Coutinho desiste de se licenciar

Redação / 21 de dezembro de 2016
Foto: Assuero Lima
A licença para descanso no final de ano, como de costume, foi cancelada pelo governador Ricardo Coutinho (PSB). Ele confirmou a desistência nesta quarta-feira (21) durante durante inauguração do prolongamento da avenida João Suassuna em Campina Grande.

“Ia tirar agora na sexta-feira, mas por uns problemas particulares não foi possível”, afirmou Ricardo Coutinho em entrevista veiculada na rádio 98 FM. O governador havia planejado um período de recesso de alguns dias entre as festas de Natal e Ano novo.

"Vou continuar trabalhando e depois eu me viro, eu vejo isso", ressaltou Ricardo Coutinho. Ele lembrou que não tem nenhum período de férias há algum tempo e, mais uma vez, não conseguiu o descanso planejado. No entanto, o governador não descartou alguns dias de folga ainda este ano. “Talvez no final do ano consiga tirar alguns dias”, adiantou Ricardo Coutinho.

A licença de Ricardo iria dar vez para que todos os Poderes comandassem o Estado em apenas nove dias. No período em que ele ficaria licenciado a Paraíba teria três governadores em exercício.  Assumiriam o comando do Estado, seguindo a ordem sucessória, a vice-governadora, Ligia Feliciano (PDT); o presidente da Assembleia Legislativa, Adriano Galdino (PSB); e o presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB), desembargador Marcos Cavalcanti de Albuquerque.

Relacionadas