terça, 19 de janeiro de 2021

Política
Compartilhar:

Ricardo Coutinho anuncia para março aumento no salário-base de policiais da Paraíba

Gabriel Botto / 14 de fevereiro de 2017
Foto: Assuero Lima
O Governador Ricardo Coutinho anunciou, nesta terça-feira (14), que em março, os salários dos policiais militares e civis terão um aumento real. É que as gratificações de plantões serão incorporadas aos salários, porém o policial ainda continuará recebendo por plantão trabalhado.

"Em março, fora os plantões, o policial terá um aumento significativo. Será um 'extra', o plantão continuará sendo pago como gratificação", disse o governador Ricardo Coutinho, em entrevista à Correio Sat/98FM.

O governador comentou que quando assumiu o Estado, em 2011, encontrou uma polícia totalmente sucateada e com péssimos salários. Ele fez um comparativo e disse que hoje os policiais trabalham satisfeitos com os valores pagos.

"Em 2010 um soldado recebia apenas R$1.564,25 e em março receberá R$3.057,35. É aumento de 95% em 7 anos, a inflação neste mesmo período cresceu cerca de 50%", pontuou.

Ricardo disse que, além de ser bom para o policial,  a incorporação dessas gratificações será boa também para o Estado como um todo, pois aquecerá a economia local. "Além de ser bom para o policial, que terá seu poder de compra elevado, a economia do estado será aquecida e os comerciantes terão suas vendas aumentadas", destacou

Educação

Foi anunciado o Pacto Pelo Desenvolvimento Social, programa que vai investir 90 milhões de reais nas escolas das redes municipais de educação. O investimento inclui 150 ônibus escolares; 65 mil carteiras estudantis e cem laboratórios de informática com 18 computadores em cada.

Crise econômica

O governador afirmou que vem lutando muito contra a crise econômica, mas diz que não pode se curvar e aceitar a problemática de olhos fechados

"Não há dinheiro sobrando, tenho que ficar remanejando  recursos de uma lado para outro, mas tenho que manter uma visão de gestor, dando prioridade ao que for mais importante para a população", disse

 

Relacionadas