quarta, 20 de janeiro de 2021

Política
Compartilhar:

PSD não abre mão de disputar vaga na majoritária

Rammom Monte / 10 de fevereiro de 2017
Foto: Arquivo
O deputado federal e presidente estadual do PSD, Rômulo Gouveia, afirmou nesta sexta-feira (10) que o seu partido terá um candidato na chapa majoritária das eleições de 2018, seja concorrendo ao governo do Estado ou a uma vaga no Senado Federal. A afirmação foi feita em entrevista ao programa Correio Debate, da rádio 98 FM /Correio Sat.

“Eu estou entusiasmado pela união das oposições. Não estou preocupado em uma candidatura própria do PSD sem que haja esta articulação das oposições. Uma cosia que a gente tem feito muito é conversado. Tem coisa que a gente conversa que não pode dizer, que atrapalha. Hoje não estou puxando nem por A, B ou C. O PSD não tem dificuldade se não disputar o governo. O PSD estará na chapa majoritária, seja como governador, vice ou para o Senado. Tem espaço. É uma coisa que vamos discutir no exato momento, não vai ser uma coisa só minha. Tenho que ouvir”, disse.

Perguntado sobre se o PSD não gostaria de ter uma candidatura própria para o governo do Estado, o deputado não ficou em cima do muro e ainda citou nomes. “Obviamente que seria demagogia minha se eu dissesse que não teria interesse que o PSD tivesse candidatura própria. Temos o nome do próprio Cartaxo, tem o nome que foi lançado agora por alguns empresários, que é o do empresário Buega Gadelha, um grande quadro, um grande companheiro. Acho que estes nomes para governo. Para a majoritária temos o próprio Lucélio que é extraordinário. Defendo a união das oposições não pode deixar de ter aquilo que se construiu na eleição de João Pessoa com o PMDB, em relação ao PSDB, com o senador Cássio e todo o conjunto do PSDB e também o PP”, finalizou.

Relacionadas