segunda, 11 de dezembro de 2017
Política
Compartilhar:

Partidos têm semana decisiva com filiações

Adriana Rodrigues / 28 de março de 2016
Foto: Divulgação
A menos de uma semana do fim do prazo de filiação partidária para os que pretendem disputar as eleições deste ano, os dirigentes de partidos na Paraíba estão correndo contra o tempo em busca de novos filiados e para atrair nomes de lideranças políticas, comunitárias e sindicais que possam contribuir para o fortalecimento da legenda e para o sucesso das disputas eleitorais nos 223 municípios paraibanos.

Para concorrer as eleições é preciso se filiar a um partido até 2 de abril, já que o prazo mínimo para filiação, que precisa ser comprovado no ato do registro de candidatura, é de no mínimo seis meses antes do pleito, que será em 2 de outubro, para eleição de prefeitos, vice-prefeitos e vereadores.

Apesar do corre-corre, articulações, reuniões e o agendamento de eventos para anunciar a chegada dos novos filiados, o clima é de mistério na maioria das legendas, que preferem anunciar os nomes somente no momento da assinatura da ficha de filiação, em eventos públicos, para não correr o risco de haver interferência no processo e cooptação do pretenso filiado.

Por isso, os comandantes dos partidos estão se dedicando integralmente às costuras e negociações, com o objetivo de atrair nomes com peso eleitoral e, consequentemente, colocar em prática o projeto político de lançar candidaturas próprias, tanto na disputa majoritária, quanto na proporcional, ou até mesmo se coligar com outras legendas, nos municípios onde a legenda não terá condição de ser cabeça da chapa que vai brigar pelo comando da prefeitura.

O senador José Maranhão, presidente do PMDB da Paraíba, disse que a sigla vem recebendo várias adesões em todo o Estado e se preparando para lançar o maior número de candidaturas a prefeito e a vereador. Ele ressaltou, que o objetivo é lançar candidato próprio na maioria dos municípios, especialmente João Pessoa e Campina Grande, e onde não houver condições, se coligar com outras legenda, indicado nome do vice. “O objetivo do PMDB se manter como o maior partido do Brasil e da Paraíba. As baixas que tivemos já estão sendo superadas com o ingresso de outras lideranças na legenda”, declarou.

Em João Pessoa, as articulações para as filiações ao PMDB estão sendo comandadas pelo deputado federal Manoel Junior, presidente da legenda na Capital e pré-candidato a prefeito do partido. Ele informou que nesta segunda-feira estará fazendo uma grande reunião, às 10h, na sede do PMDB, para recepcionar os pretensos candidatos a vereadores e para selar a semana de filiações com dezenas de filiações.

Segundo Manoel Junior, a sigla já conta com 30 pré-candidatos filiados e tem pelo menos 11 que pretendem ingressar no partido para participar das eleições deste ano na Capital, fora aos que estão ingressando em todo Estado, por meio das articulações feitas por Maranhão.

Quem está percorrendo todo o Estado em busca de novos filiados é o presidente do PSB na Paraíba, Edvaldo Rosas. Segundo ele, com as novas regras para filiação a sigla ganhou bem mais do que perdeu e deverá ganhar muito mais até o próximo sábado, quando deverá realizar um grande evento do partido, em João Pessoa, comando pelo governador Ricardo Coutinho, que vai apresentar as novas lideranças que ingressaram na sigla.

O socialista revelou que até agora a única baixa na legenda foi de um vereador, cujo nome preferiu não revelar, mas que ganhou mais de 90. De modo que os números de adesões superam as expectativas. Rosas disse ainda que a agenda de viagens pelo Estado é para manter contato com as lideranças e fechar as novas filiações.

Continuação do trabalho

O presidente do PSDB na Paraíba, Ruy Carneiro, disse que vem dando continuidade ao trabalho iniciado no ano passado e já conseguiu filiar muita gente ao partido e deverá sair com um saldo de mais de 60 novos filiados. Ele ressaltou que, os números de filiações em todo Estado só serão divulgados depois do dia 2 de abril, após o fechamento do cadastro de filiados, por questões estratégias.

O tucano afirmou que estar conversando com as lideranças, mostrando que o partido é referência da oposição e tem perspectiva de poder no Estado. “Com isso, o PSDB está crescendo e estamos conseguindo filiar pretensos candidatos a prefeitos, a vice-prefeito e a vereadores. Estamos finalizando os contatos, mas teremos dias de muito trabalho, como vem sendo desde o ano passado”, declarou.

O deputado federal Rômulo Gouveia, presidente do PSD na Paraíba, disse que está organizando um grande evento no próximo sábado, às 9h,  no auditório da Asplan (Associação dos Plantadores de Cana-de-açúcar), em João Pessoa, para apresentar novas filiações ao partido e os pré-candidatos da legenda.

De acordo com o parlamentar, os contatos estão sendo constante, seguindo o ritmo do segundo semestre de 2015, quando o partido intensificou a captação de filiados. Além disso, considerou a redução do prazo de um ano para seis meses algo muito importante para oportunizar os que não estão satisfeitos em suas siglas, e principalmente aos vereadores, ficarem livres para trocar de legenda, sem esbarrar na prática de infidelidade partidária, que poderia resultar na perda do mandato.

“Para nós vem sendo tudo normal, porque já vínhamos trabalhando, neste processo de filiações e atração de lideranças para fortalecer o partido e prepará-lo para disputa eleitoral, essa reta final não irá alterar muita coisa”, comentou.

O presidente do PT na Paraíba e pré-candidato a prefeito de João Pessoa, Charliton Machado, disse que o partido não está com este foco de correr atrás de novos filiados, mas mesmo assim, vem recebendo muitas filiações de lideranças dos movimentos sociais, de intelectuais e de ex-candidatos a vereadores.

Segundo ele, o trabalho nesta reta final tem sido intenso nesta construção. O petista revelou que vai fazer até o final da semana um momento de uma filiação coletiva, para apresentação dos nomes que não foram apresentados. Durante o evento, serão apresentados os novos filiados do partido e que vão participar das chapas que vão disputar o pleito, pois os critérios para filiação ao PT são muito rigorosos, começando pelo compromisso com as lutas da sigla e do projeto político que está no comando do País.

“Na semana passada tivemos a filiação de Renan, vamos ter também a filiação do professor Mendes, que é uma liderança importante, que teve quase dois mil votos nas eleições passadas na Capital. Vários jovens intelectuais estão se apresentando e colocando seus nomes à disposição do partido e nós esperamos que esses nomes tenham participações importantes na disputa eleitoral”, declarou Machado.

Ampliar as representações

O vice-prefeito de João Pessoa e presidente do PPS na Paraíba, Nonato Bandeira, disse que a estratégia nesta reta final das filiações é continuar ampliando as representações do partido com qualidade e compromisso. Ele ressaltou que a sigla está presente em 130 municípios e já conta com 18 pré-candidatos a prefeito.

De acordo com Bandeira, a “Janela Partidária” não trouxe nem benefícios, nem prejuízos para o PPS, que, conforme ressaltou, se antecipou a essa janela, classificada por ele como um casuísmo produzido pelo Congresso Nacional. Além disso, que só terá um quadro de filiações depois do dia 2 de abril, quando se encerra o prazo para ingresso nas legendas.

Nonato disse que para intensificar a campanha de filiações, deflagrada em todo Estado desde o ano passado, está fazendo uma série de eventos nos próprios municípios e alguns congressos, como os que já foram realizados nos municípios de Catolé do Rocha, Brejo dos Santos, Monte Horebe e São José de Caiana, com novas filiações.

O PDT está trabalhando para fortalecer e ampliar suas bases em todo Estado. Quem afirma é o deputado federal Damião Feliciano. Segundo ele, o partido que tem entre seus quadros de filiados a vice-governadora, Ligia Feliciano, e recebeu, na semana passada, o retorno do deputado estadual João Gonçalves, deverá concluir este período com mais de 20 prefeitos filiados.

De acordo com Damião Feliciano, o presidente do partido na Paraíba, Renato Feliciano, está mantendo reuniões com lideranças de todo Estado e reforçando o partido nos 142 municípios em que o PDT tem representação. “Estamos trabalhando para lançar o maior número de candidatos a prefeito, vereador e a vice. Porque estamos sendo procurados por várias lideranças para se filiar com o objetivo de disputar o pleito, todos estão sendo bem-vindos, para somar e fortalecer o PDT”, declarou o deputado.

Alterações em todos partidos

O ex-senador Wilson Santiago, presidente do PTB na Paraíba, disse que o partido está indo muito bem nesta reta final da campanha de filiações partidárias e deverá anunciar o número de novas lideranças até o final da semana.

Segundo ele, mesmo antes de encerramento do prazo, todos os partidos tiveram alterações e deverão ter muito mais, até a última hora. “Estamos trabalhando muito, para ampliar ainda mais o número de filiados em todo o Estado”, revelou.

Santiago revelou que nesta reta final o PTB deverá receber vários detentores de mandatos parlamentar, que foram beneficiados com a “Janela Partidária”, e até perder alguns. Mas, que só irá anunciar os nomes e a quantidade das lideranças, quando o processo for finalizado. “Não é bom divulgar nada agora, porque causa especulações e assédio em cima dos que estão para vir para o partido. Por isso, vamos continuar trabalhando em busca de filiações”, afirmou.

O presidente do DEM, Efraim Morais, disse que não alterou o trabalho que vinha sendo realizado pela legenda em todo o Estado, em busca de novas filiações e para reforçar o quadro de pré-candidatos.

De acordo com Efraim Morias, é grande a expectativa dos dirigentes de partido, em relação as decisões de última hora, porque muita gente deverá trocar de legenda. “Só teremos uma posição no final. Até lá, vamos continuar trabalhando e fazendo nossa parte, sempre abertos ao ingresso de novas lideranças, que venha para fortalecer e com potencial para disputar o pleito”, declarou o Democrata.

As articulações para filiações em João Pessoa passaram a contar com um reforço há duas semanas, com o ingresso no partido do vereador Raoni Mendes, que está presidindo o diretório do partido na Capital. Segundo ele, um dos principais atrativos para o ingresso de novos filiados.

Segundo ele, o Democratas é um partido que tem tempo de TV, que está consolidando a sua lidernaça, através do deputado federal Efraim Filho e tem um posição muito clara em favor dos valores essenciais da família, dos princípios morais e éticos fundamentais para composições partidárias, levando o partido já contar com 16 pré-candidatos a vereador na Capital.

“Tem alguns jovem com identidade muito forte e nós vamos focar na juventude e tem várias lideranças de áreas estratégicas que vão ingressar no partido até o final da semana, mas que infelizmente nesse processo final eu não tenho como divulgar os nomes, mas faremos até sábado a consolidação e divulgação”, declarou Raoni.

No PP, o trabalho de articulação política para o ingresso de novas lideranças vem sendo realizado pelo presidente da sigla no Estado, Enivaldo Ribeiro, e pelo deputado federal Aguinaldo Ribeiro, líder do PP na Câmara, que têm procurado aumentar o número de filiados à legenda, buscando tornar o PP uma agremiação forte, capaz de repercutir o seu poder de influência.

De acordo com Enivaldo, o PP deverá disputar importantes prefeituras municipais, trazendo nomes de peso com poder de sugestionar positivamente o eleitorado na hora do voto. “É o caso do deputado estadual José Aldemir, cujo nome tem grande repercussão no sertão e que vem sendo preparado para disputar a prefeitura de Cajazeiras. A receptividade a José Aldemir tem superado expectativas”, comentou.

Ele revelou, que além de Cajazeiras, o PP deverá apresentar candidaturas próprias a prefeito de vários municípios, pois está conseguindo filiar nomes qualificados para a disputa eleitoral deste ano, sem falar aos que já pertence aos quadros do partido.

Relacionadas