sexta, 15 de janeiro de 2021

Política
Compartilhar:

Oposição a quem? Aliados de Cartaxo e Ricardo tentam atrair partidos para eleições

Adriana Rodrigues / 17 de maio de 2016
Foto: Rafael Passos
Partidos se articulam para as eleições de outubro na Capital. Duas frentes tentam se apresentar como oposição. Uma ao prefeito Luciano Cartaxo (PSD), pré-candidato à reeleição, e outra ao grupo do governador Ricardo Coutinho (PSB), que tem a professora Cida Ramos com o pré-candidata.

O grupo anti-Cartaxo é capitaneado pelo PSB e arrasta o PDT, PC do B, PPS, PR e outros partidos. A frente contra Ricardo é liderada pelo PSD e tem como coadjuvantes legendas como PP, PHS, PMN e outros.

Contra os dois grupos, existem outros três tentando se fortalecer. Um liderado pelo PMDB de Manoel Júnior e José Maranhão, que tenta receber o apoio do PSDB.

Outro capitaneado pelo PTB do deputado federal Wilson Filho, que também tenta atrair os tucanos. Na disputa direta com o grupo do governador, o prefeito da Capital também tenta puxar o PSDB, que não terá candidato.

O terceiro grupo, liderado pelo PT, deve caminhar sozinho, com Charliton Machado, pelo menos no primeiro turno. Sob os cuidados do vice-prefeito Nonato Bandeira, o PPS procura atrair o PTB e o PT para compor com o PSB.

Bandeira revelou que vai trabalhar para concretizar um blocão partidário contra o PSD. Disse que já conversou com os deputados Manoel Júnior e Wilson Filho, e com professora Cida Ramos.Segundo ele, mesmo que não seja possível uma composição no primeiro turno, é importante manter o canal de discussões aberto.

Leia Mais

Relacionadas