sábado, 16 de novembro de 2019
Política
Compartilhar:

Justiça liberta ex-prefeita de Conde, presa por suspeita de lavagem de dinheiro

André Gomes / 31 de maio de 2018
Foto: Arquivo
Presa desde o dia 6 de março por supostas irregularidades num suposto esquema de lavagem de dinheiro, a ex-prefeita de Conde, Tatiana Correia, teve a prisão preventiva revogada nessa quarta-feira (30). Com a decisão, ela deixa a carceragem do presídio Júlia Maranhão, em João Pessoa.

O advogado Rembrandt Asfora, que faz a defesa da ex-prefeita, disse que a juíza decidiu acatar os argumentos apresentados pela defesa aplicar medidas cautelares diversas da prisão, dentre as quais da ex-prefeita não se ausentar da comarca do Conde sem autorização judicial e se recolher a residência em período noturno.

“Essas são medidas aplicadas alternativamente à prisão preventiva. Então a juíza entendeu que não havia mais necessidade da prisão e por isso acolheu o pleito da defesa”, explicou o advogado durante entrevista ao programa Correio Debate da 98 FM.

A decisão da juíza Daniele Ferreira também impôs a doação de cinco gabinetes odontológicos pela ex-gestora no prazo de 10 dias à Secretaria de Saúde do município. O processo contra Tatiana Ludgren continua tramitando na Justiça.

Rembrandt disse ainda que a ex-prefeita não fez colaboração com a Justiça e que nunca existiu esse pensamento. “A defesa está confiante nos argumentos apresentados no processo”, afirmou.

De acordo com o Ministério Público, o suposto esquema em que a ex-prefeita estaria envolvida teria forjado uma desapropriação de um terreno em nome de um suposto laranja no município.

Relacionadas