segunda, 10 de maio de 2021

Política
Compartilhar:

Emissora de rádio do Governo vai transmitir guia a partir do dia 31 de agosto

Adriana Rodrigues / 31 de julho de 2018
Foto: Rafael Passos
Dirigentes de emissoras de rádios e televisões da Paraíba participaram nessa segunda-feira (30), à tarde, na Corregedoria do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB), da primeira reunião para discutir a transmissão do guia eleitoral gratuito das Eleições deste ano, que terá início no dia 31 de agosto.

De acordo com o presidente do Sindicato das Empresas de Rádio e Televisão da Paraíba, Alexandre Jubert, que também é superintendente do Sistema Correio de Comunicação, durante a reunião ficou definido que a Rádio Tabajara será responsável pela geração do guia eleitoral para as emissoras de rádio de toda a Paraíba.

Segundo Jubert, a geração do guia eleitoral para as emissoras de televisão só será definida em uma reunião que será realizada amanhã, às 17h, no mesmo local, na qual serão analisadas duas propostas apresentadas pelos representantes das empresas.

A primeira proposta é para que a TV Assembleia fique responsável pela geração do guia para todo o Estado. A segunda é para que seja estabelecido, como já ocorreu nas eleições passadas, um sistema de rodízio entre as emissoras, começando pela TV Cabo Branco e encerrando pela TV Tambaú. “Essas duas propostas foram apresentadas e serão analisadas na reunião que teremos na quarta-feira, dia 1º de agosto”, informou o presidente do Sindicato das Empresas.

Segundo ela, como ocorre em todos os pleitos, a Justiça Eleitoral reúne com os representantes das empresas que vão transmitir o guia eleitoral, tanto na esfera de televisão quanto na esfera de rádio, para juntamente com eles decidir como será a geração. “É uma reunião preparatória para a reunião do sorteio da ordem de veiculação das propagandas, que só ocorrerá após o registro de candidaturas”, explicou a coordenadora que informou ainda que, a propaganda eleitoral gratuita começa no dia 31 de agosto e vai até 4 de outubro, no primeiro turno das eleições. Se houve segundo turno, tudo recomeça no dia 12 de outubro e vai até dia 26 de outubro, antevéspera da eleição, para os candidatos que permanecerão na disputa para o Governo do Estado e para Presidência da República.

 

Relacionadas