quinta, 26 de novembro de 2020

Eleições
Compartilhar:

Wellington Roberto não aprova Azevêdo e conversa com três partidos

Alexandre Kito / 24 de abril de 2018
Foto: Nalva Figueiredo
O presidente estadual do PR, o deputado federal Wellington Roberto criticou as composições que os pré-candidatos João Azevedo (PSB), e Lucélio Cartaxo (PV), estão fazendo para a formação da chapa majoritária, que vai disputar as eleições de outubro. Segundo o parlamentar, o candidato escolhido pelo governador Ricardo Coutinho (PSB) para a disputa não vai emplacar no pleito, pois o gestor não está conseguindo transferir os votos para o ex-secretário.

Wellington Roberto alegou que, de acordo com pesquisas realizadas, o governador não tem conseguido atrair eleitores para o candidato do PSB. “Eu não tenho nada contra a candidatura de João Azevedo, que é um homem que tem demonstrado sua competência, mas que ainda não conquistou a simpatia do povo paraibano. Ricardo Coutinho, por mais trabalho que tenha feito no nosso estado, e eu reconheço, mas ele ainda não tem conseguido transferir esses votos. As pesquisas mostram que ele não tem conseguido resolver essa questão”, disse o parlamentar.

Ele disse ainda que o PR está avaliando as três composições - a de João Azevedo, Lucélio Cartaxo e José Maranhão - para o Governo do Estado. O deputado também alfinetou o Progressistas (ex-PP) por ser uma legenda de oposição, e dar sugestões na composição da chapa do governador Ricardo Coutinho. “Não estou entendendo mais absolutamente nada. Ele fica dando sugestões de como deve ser a chapa do governador. Sei que está havendo sugestão que esta contaminando os três lados. Por isso que o PR está avaliando essas três opções”, disse.

Ele também questionou a ausência do prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, no evento do PV, na Capital durante o fim de semana, e denominou que o cenário político para a formação da chapa majoritária na Paraíba “é um verdadeiro sarapatel”.

Relacionadas