quinta, 14 de dezembro de 2017
Eleições
Compartilhar:

Correio da Paraíba fará cobertura cidadã das eleições municipais

Damásio Dias / 10 de abril de 2016
Foto: Divulgação
O Jornal Correio da Paraíba inicia o projeto Eleições 2016 dentro de um plano de integração de mídias, puxado por sua versão impressa – base do Sistema Correio de Comunicação, há 62 anos. Contando com o reforço da versão online e suas redes sociais – Instagram, Facebook e Twitter -, o jornal de maior circulação do Estado se mobiliza para oferecer conteúdo que estimule a participação do cidadão nesse processo democrático.

As eleições de outubro próximo escolherão prefeitos e vereadores, instâncias de gestão mais próximas da população. Por isso, o formato da cobertura do Correio vai debater os problemas das cidades para oferecer ao leitor-eleitor subsídios para um postura crítica e melhor capacidade para tomar a decisão sobre o voto.

Sem desviar do papel de informar, o Correio vai discutir com auxílio da sociedade, a importância da participação popular nas decisões fundamentais para o País. E essa mudança de postura passa por uma avaliação madura dos candidatos que vão disputar o voto.

O Correio da Paraíba - além dos debates diretos entre candidatos e a cobertura do trabalho da Justiça Eleitoral e da movimentação dos partidos políticos - pretende construir um foro de debates sobre as necessidades da sociedade.

O objetivo é refletir sobre as causas da corrupção que permeou a estrutura político-administrativa nacional, e suas consequências. Serão convidados partidos, igrejas, universidades, conselhos profissionais, confederações do setor produtivo, sindicatos e movimentos sociais.

O jornal não vai apenas apresentar as propostas dos candidatos a prefeito, também discutirá com a sociedade, e através da análise especializada, a pertinência no contexto local.

A cobertura do Correio vai abordar as temáticas de mobilidade urbana, saúde, segurança e educação, sempre com o propósito de contribuir.

Os leitores participarão dando sugestões e avaliando a conduta de candidatos e temas que precisem de maior abrangência. A ideia é estimular o exercício de cidadania e fixar responsabilidades enquanto agentes transformadores, tanto nas eleições, quanto no dia a dia.

Nesse contexto, o caminho que o leitor-eleitor poderá percorrer foi ampliado com a utilização das ferramentas digitais.

Interação com o leitor

O Correio coloca à disposição de cada cidadão seus endereços de Instagram, Facebook e Twitter para que todo eleitor possa contribuir com os debates ao elencar temas, apontar soluções e até propor formatos que os tornem mais democrático e abrangente.

A integração de mídias - impresso e online - fortalece ainda mais o contato com o cidadão. Tendo como base sólida a sua versão impressa, o jornal Correio abre as portas para uma discussão que estará contida também no Correio Online (correiodaparaiba. com.br) e no blog O Voto no Correio (correiodaparaiba.com.br/ovotonocorreio).

Relacionadas