quinta, 18 de abril de 2019
Política
Compartilhar:

Chegada de suplentes muda rotina de debates na ALPB

André Gomes / 26 de setembro de 2017
Foto: ALPB
A chegada de três suplentes na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Aníbal Marcolino, Eliza Virgínia e Raoni Mendes, tem modificado o tom e os assuntos das discussões em plenário. Agora, deputados suplentes mantêm o foco em João Pessoa e nos assuntos da administração municipal, tornando a Casa uma ‘extensão’, da Câmara Municipal de João Pessoa.

Apenas nesta terça-feira (26) foram aprovados dois projetos que tem a Capital como tema. Um proposto pelo deputado Aníbal Marcolino propõe uma audiência pública para debater possíveis irregularidades na execução das obras da Lagoa.

O outro proposto por Tião Gomes pede ao prefeito Luciano Cartaxo que determine a Secretaria de Infraestrutura a abertura do espaço destinado ao estacionamento do restaurante Cassino da Lagoa.

Nas discussões, a vereadora Eliza Virgínia (PSDB) gasta a maior parte do seu tempo tentando defender o prefeito da Capital das críticas feitas pelos colegas Aníbal, Raoni Mendes e Hervázio Bezerra que se revezam na tribuna da Casa com o objetivo de apresentar falhas.

Para o deputado Aníbal Marcolino, as discussões feitas na Assembleia Legislativa são pertinentes uma vez que a Capital faz parte do Estado. “João Pessoa é uma das 223 cidades da Paraíba. Então, é de nossa prerrogativa debater os problemas que acontecem nela”, afirmou distanciando a tese eleitoreira, uma vez que o prefeito da Capital é um dos prováveis candidatos ao Governo do Estado.

Os debates e a presença de deputados em plenário vai ser tema de uma reunião de líderes convocada pelo presidente Gervásio Maia (PSB). O encontro acontece nesta quarta-feira, às 8h30, na presidência da Casa.

Relacionadas