segunda, 25 de janeiro de 2021

Política
Compartilhar:

Cartaxo quer impedir estremecimento na Câmara

Francisco Varela Neto / 09 de março de 2017
Foto: Assuero Lima
O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD), sepultou de vez os boatos de possível estremecimento de sua bancada na Câmara Municipal com uma reunião realizada nesta quarta-feira (08) com os vereadores aliados, a primeira deste ano. Após o encontro, o gestor pessoense assegurou que vai manter a harmonia entre os poderes Executivo e Legislativo, mantendo a independência de cada um.

“Nós tivemos a primeira reunião do ano com os vereadores no que se refere a reabertura dos trabalhos legislativos na Casa. E nada melhor do que, mesmo respeitando a independência dos poderes, estabelecer algo concreto em favor da cidade, que é exatamente a unidade da nossa bancada”, afirmou durante entrevista concedida à rádio 98 FM/Correio Sat.

Cartaxo lembrou que a reunião foi fruto de uma mobilização de seu líder na Câmara, vereador Helton Renê, e que a iniciativa é para manter a harmonia com todos. "O vereador Helton Renê (PC do B), mobilizou a bancada para um diálogo que é muito importante para a cidade, para estabelecer essa relação de harmonia entre os poderes Executivo e Legislativo", declarou.

2018 na pauta

Luciano Cartaxo voltou a afirmar que não está pensando na disputa pelo Governo do Estado em 2018. Pelo menos não nesse momento, já que, segundo ele, a hora é de pensar no mandato de prefeito. “Eu estou muito feliz em estar ocupando o cargo de prefeito de João Pessoa, cidade que me deu todas as oportunidades. Eu tenho que continuar fazendo pela cidade. O meu foco é em 2017, um ano que não tem eleição. Tudo vai acontecer em 2018. Nós ainda estamos no mês de março, então você provocar um debate de maneira antecipada sobre as eleições do ano que vem seria perder um ano de trabalho, de dedicação a cidade, e isso tudo requer foco. Se eu colocar na minha pauta a eleição de governador isso vai atrapalhar muito o cotidiano da cidade”, enfatizou.

Apesar disso, Cartaxo não deixou de ressaltar seu desejo pela manutenção da atual aliança firmada pelo seu partido, o PSD. "Foram 12 partidos que deram sustentação a nossa campanha em João Pessoa em 2016, então eu acredito que essa aliança deve ser preservada, nós queremos chegar em 2018, independente de composição de chapa, com maturidade suficiente para apresentar um projeto importante pro estado da Paraíba. A renovação política é fundamental, as coisas precisam avançar cada vez mais. A minha leitura é de preservar a aliança que foi construída na eleição passada", respondeu.

Governo Temer

O prefeito também deu sua opinião de como o governo Michel Temer vem se saindo neste início de mandato. “O governo Temer tem hoje os mesmos problemas que o governo Dilma tinha no final de seu governo. Apesar das pesquisas mostrarem que 2017 pode ser um ano melhor, mas o que a gente observa nesses três primeiros meses do ano é que não tem nenhuma mudança positiva do ponto de vista de investimentos e da arrecadação, o que tem de concreto é uma queda na arrecadação que precisa ser destacado”, falou.

Saúde financeira de João Pessoa

Com relação a ainda falada crise financeira pela qual passam os municípios, Cartaxo disse que para que existisse um momento de mais tranquilidade financeira foi preciso muito planejamento. “Nós temos trabalhado muito no planejamento, nós investimos muito na capacidade de gestão. Eu tinha colocado na cabeça dos nossos secretários de que se a gente ficasse reclamando da crise e não enfrentasse esse momento, nos iríamos ter muita dificuldade. O primeiro sintoma de crise foi no final de 2014, e ai nós começamos a tomar as medidas. Medidas de corte de celular, do secretário, do prefeito, de combustível, de viagens, saímos tomando mediadas de renegociação de contratos. Nossos salários estão todos congelados, do prefeito, do vice-prefeito, dos secretários, isso durante 4 anos”.

Obra na bica

O prefeito afirmou que a obra para reforma da bica está muito próxima de ser iniciada. “Nós vamos fazer a bica. Nós vamos começar agora também no padrão do parque da lagoa. Nós queremos começar esse semestre. Queremos transformar um espaço que já é bonito por natureza em um espaço de convivência, de bem estar pras famílias, pras crianças”.

Relacionadas