terça, 22 de agosto de 2017
Política
Compartilhar:

Cartaxo exige definição na bancada governista

Nice Almeida e Mislene Santos / 10 de março de 2016
Foto: Mislene Santos
A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) protocolada essa semana na Câmara Municipal de João Pessoa para investigar supostas irregularidades nas obras da Lagoa do Parque Sólon de Lucena não abalou o prefeito Luciano Cartaxo (PSD). O que realmente estremeceu a base do gestor foi saber que a solicitação dessas investigações contou com o 'apoio' de cinco parlamentares da bancada governista.

Cartaxo exigiu uma definição desses vereadores e avisou que os que decidirem caminhar ao seu lado terão que 'vestir a camisa de seu time'. "Você não pode jogar em dois times, tem que escolher o time onde vai jogar. Ou você é oposição ou é governo. Se um vereador quer ir para a bancada de oposição ele vai, o que não pode é estar na bancada de situação vestindo a camisa da oposição", disparou.

O prefeito garantiu estar tranquilo com relação as investigações que possam ser abertas, voltou a chamar a CPI de eleitoreira e disse que não vai se render a dor de cotovelo da oposição. "Está muito claro que esse é um desejo eleitoreiro. Mas doa em quem doer a Lagoa vai ser entregue à população de João Pessoa porque é uma obra importantíssima e não vamos deixar de fazer essa obra por causa de dor de cotovelo de ninguém", respondeu Cartaxo.


Relacionadas