sexta, 18 de outubro de 2019
Política
Compartilhar:

Aguinaldo Ribeiro vai liderar maioria na Câmara dos Deputados

André Gomes / 23 de março de 2019
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
O deputado federal Aguinaldo Ribeiro (Progressista) mostrou que continua com força e influência no Congresso Nacional ao ser escolhido, ontem, como líder do bloco da maioria da Câmara dos Deputados. A indicação do nome dele para o posto teve o apoio do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Aguinaldo Ribeiro também é cotado para assumir a relatoria da proposta de reforma da Previdência na Comissão de Constituição, Cidadania e Justiça (CCJ) da Casa. O anúncio seria feito ontem, mas foi adiado a pedido do líder do PSL na Casa, deputado Delegado Waldir (PSL-GO).

Na função de líder, Aguinaldo Ribeiro vai responder pelos partidos da base de apoio do presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), na Casa e terá que discutir com aliados temas polêmicos como, por exemplo, a Reforma da Previdência que está na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) para análise.

Líderes partidários chegaram a questionar sobre o tratamento diferenciado dado pelo governo federal às reformas da Previdência de civis e militares. Na opinião do líder do PSL, o governo errou ao encaminhar a reforma da Previdência das Forças Armadas junto com a reestruturação de carreiras militares.

Outro tema para ser discutido com os deputados da base é o Pacote Anticrime entregue a Casa pelo ministro da Justiça, Sérgio Moro. A tramitação de propostas de combate ao crime chegou a provocar um desentendimento entre o ministro da Justiça, Sérgio Moro, e o presidente da Câmara, Rodrigo Maia.

Diante do cenário atual, o paraibano Aguinaldo Ribeiro terá, entre outras atribuições, a de junto ao governo e a liderança iniciar uma articulação política de fortalecimento da base governista, além do convencimento de outros parlamentares a votarem favoráveis as matérias que tramitam na Câmara.

Funções

Na legislatura anterior, Aguinaldo Ribeiro ocupou a função de líder do governo de Michel Temer (MDB) e no seu terceiro mandato, o deputado paraibano foi ministro das Cidades, durante a gestão da ex-presidente Dilma Rousseff (PT).

A sua influência no Congresso e dentro do Progressista garantiu ainda a indicação da senadora Daniella Ribeiro, irmã do deputado eleita para seu primeiro mandato em Brasília, como líder do partido no Senado.

Liderança

O deputado federal Wellington Roberto assumiu, esta semana, a liderança do Partido da República (PR) na Câmara dos Deputados e vai comandar uma bancada que conta com 39 parlamentares. Na oportunidade, o paraibano anunciou que o PR não faz parte da base de sustentação ao governo Jair Bolsonaro e que legenda age em sintonia com a essência do fundador do partido, o professor Álvaro Vale, sempre em defesa da educação e dos professores.

Relacionadas