sexta, 24 de janeiro de 2020
Justiça
Compartilhar:

Procuradoria Geral do Estado pede prisão para funcionária do BB

Adriana Rodrigues / 20 de janeiro de 2018
Foto: Divulgação
A Procuradoria Geral do Estado (PGE) ingressou, nessa sexta-feira (19) à tarde, na 1ª Vara da Fazenda Pública de João Pessoa com pedido de prisão da superintendente do Banco do Brasil na Paraíba, Maristela de Oliveira Salles, por descumprimento de decisão judicial que determinou a liberação de dois empréstimos no valor de quase R$ 150 milhões para o Governo do Estado.

Na petição, assinado pelo procurador-geral do Estado, Gilberto Carneiro, e pelo corregedor-geral da PGE, Lúcio Landim Batista da Costa, a Procuradoria argumenta que a instituição desobedeceu por duas vezes a decisão judicial que determina a liberação dos empréstimos. Além disso, pede a juíza da 1º Vara da Fazenda Pública da Capital, Flávia Costa Lins Cavalcanti, a aplicação da multa diária fixada na decisão que concedeu a tutela antecipada e que seja majorada a multa diária para 30% do valor total do empréstimo/dia, fixando-se, igualmente, o termo inicial de incidência das astreintes, nesse novo patamar.

O Estado também solicita que o processo seja encaminhado para Polícia Civil e em seguida instaurado um inquérito contra a representante da empresa.

Relacionadas