quinta, 04 de março de 2021

Paraíba
Compartilhar:

PF prende 28 pessoas acusadas de fraudar previdência

Redação jornal Correio / 09 de setembro de 2015
Foto: Antônio Ronaldo
A Polícia Federal prendeu 28 pessoas acusadas de fraudar a previdência durante a Operação Fanes, deflagrada nesta quarta-feira (09), em sete cidades da Paraíba e em Recife, Pernambuco. Entre os presos estão um funcionário do INSS, dois empresários e uma agente de saúde. Eles são acusados de terem fraudado 185 benefícios, desde o último mês de outubro, causando um prejuízo de R$ 3 milhões. O prejuízo evitado é de R$ 100 milhões.

LEIA MAIS: Polícia Federal realiza operação contra fraude no INSS em sete cidades

Foram presas 25 pessoas em Campina Grande, uma em Puxinanã - Agreste - outra em Recife-PE, e mais uma em Patos - no Sertão. Todos os envolvidos já estão com as contas bloqueadas por determinação da Justiça Federal. As contas dos envolvidos no esquema foram bloqueadas por determinação da Justiça Federal.

O delegado Regional de Combate ao Crime Organizado, Raoni Aguiar, informou que os empresários foram presos, considerando que sabiam que os documentos eram falsos e mesmo assim, permitiram a concessão os empréstimos consignados.

Leia a reportagem completa com todos os detalhes da operação no jornal Correio da Paraíba de amanhã.

 

Relacionadas