sexta, 18 de setembro de 2020

Paraíba
Compartilhar:

Dia das crianças perdidas: bombeiros resgatam filhos que sumiram dos pais no feriadão

Maurílio Júnior / 13 de outubro de 2015
Foto: Arquivo
O Corpo de Bombeiros registrou 12 ocorrências de crianças perdidas no Litoral paraibano durante o feriadão do “Dia das Crianças”. Para a corporação, a motivação de praticamente todos os registros se dá pela falta de atenção dos pais. Com a proximidade do verão, o balanço é um alerta, pois se trata do período quando o Litoral do Estado está mais movimentado.

Segundo o major Aragão, da assessoria de comunicação do Corpo de Bombeiro, crianças entre 6 e 10 anos são as que mais se perdem dos pais.  "Elas perdem a referência enquanto estão brincando e, portanto, é responsabilidade dos pais uma maior atenção durante a temporada de verão", alertou.

Ele lembra, ainda, que os bombeiro fazem um trabalho preventivo com a distribuição de pulseiras para as crianças, onde são escritos os nomes dos garotos, dos responsáveis e também um telefone de contato. Mas o major Aragão, reforça a importância dos pais estarem atentos. “Muitas vezes os pais estão aproveitando o momento de lazer e sequer notam o desaparecimento da criança”, disse.

Além do registro de 12 crianças perdidas, o Corpo de Bombeiros executou 87 advertências, dois resgates aquáticos e seis primeiros socorros.

Relacionadas