sábado, 19 de setembro de 2020

Paraíba
Compartilhar:

Aplicativo do Detran vai informar usuário sobre multas e vencimento da CNH

Redação com Secom-PB / 09 de setembro de 2015
Foto: Arquivo
O Departamento de Trânsito da Paraíba (Detran) lançou, nesta terça-feira (09), um novo aplicativo que irá alertar o usuário sobre os prazos de vencimento da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e consulta aos pontos da CNH. A nova plataforma de informação também permitirá ao condutor saber da situação do licenciamento anual do veículo, ser informado sobre eventuais multas e consultar todo o seu histórico. E ainda através dele os candidatos à habilitação podem acompanhar os resultados de exames através do número do CPF.

“A cada ano o número de usuários do Detran vem aumentando. Para evitar transtornos para a população, pensamos numa forma de nos aproximar e garantir comodidade à ela. Através do Detran-PB Mobile, as pessoas têm acesso online a serviços que antes só eram possíveis de maneira presencial ou pelo site", ressalta  o diretor de operações do Detran, Orlando Soares.

Também foi lançado o sistema “Passo a Passo” no site do órgão (www.detran.pb.gov.br) com o objetivo de orientar usuários como proceder para retirar a habilitação e fazer o registro de veículo. Por meio do “Passo a Passo”, o usuário do Detran-PB fica informado sobre como funciona os procedimentos para retirada da primeira habilitação ou fazer a renovação e quais os documentos pessoais e requisitos necessários para se candidatar.

Lá também são fornecidas informações essenciais para o registro de veículos novos, transferência de propriedade, mudança de características do veículo, renovação do licenciamento anual, entre outras.

O superintendente do Detran-PB, Aristeu Chaves, informou que o objetivo do “Passo a Passo” é otimizar o fluxo de atendimento no órgão. “Através dele, nossos usuários poderão ficar informados de todos os passos que irão proceder para se candidatar a uma habilitação, por exemplo. Ele orienta o usuário sobre os caminhos que devem ser percorridos para resolverem seus impasses junto ao Detran”, ressaltou Aristeu.

 

 

Relacionadas