terça, 22 de outubro de 2019
Geral
Compartilhar:

Organização do São João de CG amplia espaço para a festa

Wênia Bandeira/Katiana Ramos / 24 de abril de 2019
Foto: Chico Martins
A organização do São João de Campina Grande ampliou o espaço para a festa, retomando o espaço total da Rua Sebastião Donato, que fica ao lado do Parque do Povo. Contudo, a medida preocupou o Corpo de Bombeiros, que alegou riscos aos participantes do evento em caso de acidentes.

A inserção total da Rua Sebastião Donato à área do Parque do Povo foi decidida nessa terça-feira (23) pela produtora do evento, Prefeitura de Campina Grande, órgãos de segurança, comerciantes e moradores do entorno. Nesta edição do Maior São João do Mundo não existirá mais o muro de isolamento, que ficava na Rua Sebastião Donato. A interdição completa da via será feita até o fim dessa semana para dar início a montagem estrutural da nova parte do Parque do Povo. A Rua Sebastião Donato esteve na festa até o São João de 2016.

Por conta da medida, o Corpo de Bombeiros estima que a capacidade de público no Parque do Povo poderá cair em quase 17 mil pessoas. A Corporação leva em consideração o novo layout lançado pela organização do Maior São João do Mundo, incluindo a Rua Sebastião Donato ao evento.

O major William Clayton, dos Bombeiros, lembrou que o limite de público é determinado pelo tamanho do conjunto de saídas de emergência. Ele explicou que, a partir de agora, as ruas adjacentes são mais estreitas.

“Se tiver um incêndio no local, por exemplo, quando as pessoas se direcionam para as saídas de emergência é preciso garantir que muitas saiam do local de forma ágil ao mesmo tempo. As ruas que circundam o Parque do Povo limitam o tamanho das saídas”, explicou o major William Clayton.

Em 2018, a lotação máxima fixada era de 75.901 pessoas e com o atual projeto inicial este número cairia para em torno de 59 mil expectadores. Ele salientou que o projeto final não foi apresentado, mas o calculo foi feito levando em consideração o que foi comentado nas reuniões realizadas.

“Este ano, está no projeto que vão existir catracas para contar o público e, quando chegar a este número, os portões serão fechados. É tudo questão de segurança para quem vai à festa”, acrescentou major William Clayton.

A secretária de Desenvolvimento Econômico de Campina Grande, Rosália Lucas, falou que o projeto deverá sofrer alterações para atender as determinações do Corpo de Bombeiros. Ela disse que o objetivo principal é aumentar a capacidade de público circulando.

“Nós faremos reuniões com os Bombeiros para discutir o acesso de emergência em outros locais. Teremos que abrir mais portões para que isso seja resolvido, mas vamos saber nestas reuniões quantos serão necessárias”, afirmou a secretária Rosália Lucas.

A primeira reunião está marcada para a próxima sexta-feira, no Teatro Paulo Pontes.

No ano passado, o Parque do Povo teve 36 saídas com dimensão entre dois a dez metros de comprimento, totalizando 197 metros de saída de emergência. Para aumentar a capacidade, será necessário também majorar este total.

Além disso, a Prefeitura Municipal de Campina Grande quer acrescentar ao Maior São João do Mundo os comerciantes que ficavam ao lado do muro do Parque do Povo. São quiosques que vendem caldinhos e bebidas, além de restaurantes e barzinhos no entorno do local. Para que fossem incluídos, os comerciantes precisaram assinar um termo se comprometendo com a programação e normas do Quartel General do Forró, seguindo horários de abertura e fechamento e ainda de fiscalização das mercadorias que entram.

No total, são 220 barracas e quiosques, além de 130 vendedores ambulantes.

Trânsito



A partir do momento da interdição definitiva da Rua Sebastião Donato, os motoristas deverão transitar pela Rua Frei Caneca, que fica paralela a Sebastião Donato. Foi acordado que os agentes da Superintendência de Trânsito e Transportes Públicos (STTP) de Campina Grande estarão trabalhando na região para ajudar no fluxo da via, evitando transtornos nos primeiros dias de adaptação.

Outra medida decidida é que a STTP vai convocar as pessoas que moram no entorno do Parque do Povo para realizarem o cadastramento e receberem o selo de acesso livre nas áreas adjacentes do Maior São João do Mundo.

 

Relacionadas