quarta, 22 de novembro de 2017
Geral
Compartilhar:

Nu com a mão no bolso: estacionamento em Tambaba agora é pago

André Luiz Maia/Lucilene Meireles / 19 de outubro de 2015
Foto: Arquivo
Agentes da cobrança afirmam que a iniciativa da Prefeitura teve início no feriado de 7 de setembro, e arrecada recursos para melhorias no local. Enquanto isso, a via principal de Jacumã tem trechos cheios de buracos, realidade que demonstra a falta de investimento para beneficiar um número maior de pessoas.

A maioria dos turistas e visitantes locais desaprova a taxa, afinal o local é público e município já dispõe de verba para manutenção de seus pontos turísticos. Nos finais de semana e feriados, segundo os ‘cobradores’, são mais de 300 veículos por dia no acesso, mas nem todos pagam.

De acordo com o secretário de Meio Ambiente, Turismo e Esportes do Conde, Alexandre Cunha, não se trata de um pedágio, mas sim uma taxa, que tem como propósito regular o fluxo do trânsito na região, que é uma área verde. O secretário disse que a lei municipal que regulamenta a cobrança do estacionamento (o secretário não informou qual o número da lei e nem o site da prefeitura disponibiliza a informação) não foi estabelecida agora, apenas retomada. “A reativação foi solicitada pelos comerciantes de Tambaba. Em Coqueirinho, está acontecendo um movimento para que se estabeleça essa taxa por lá também, pois o grande fluxo de carros e o valor alto cobrado pelos estacionamentos particulares estão inviabilizando o turismo”, alega.

Alexandre explicou que o dinheiro arrecadado é revertido em benefícios para a região. “Essa verba propicia melhor sinalização, iluminação, melhoria dos acessos, chuveiro gratuito para os banhistas e fiscalização na área naturista”, justifica.

Leia mais no Jornal Correio da Paraíba.

Relacionadas