sábado, 26 de maio de 2018
Geral
Compartilhar:

Multas de trânsito passam a ter desconto de até 40% por meio de cadastro

Celina Modesto / 17 de Abril de 2018
Foto: RAFAEL PASSOS
O Departamento Estadual de Trânsito (Detran-PB) aderiu, desde essa segunda-feira (16), ao Sistema Nacional de Notificações, que permite que os usuários do órgão, por meio de cadastro no sistema, paguem multas de infração de trânsito com até 40% de desconto.

De acordo com o chefe da divisão de processamento de dados do Detran-PB, Irapuan Leal, o desconto só é válido para as infrações aplicadas desde ontem, ou seja, multas do ano passado, por exemplo, devem ser pagas com o valor inteiro.

“Se a pessoa recebe a notificação e abre mão da defesa, o desconto será de 40%. Nos casos em que se recorre, o desconto cai para 20%”, explicou.

Nos casos em que o usuário recorreu, mas perdeu a ação, não há mais a opção de pagar a multa com desconto, mas é possível pagar o valor sem juros e correção monetária.

Leal alerta aos usuários que o pagamento da multa com desconto tem uma data limite. “É possível pagar com o desconto de 40% até a data limite para defesa. O próprio aplicativo avisa. Depois do limite, o usuário paga com o valor cheio”, frisou. Em média, o pagamento do boleto da infração de trânsito com desconto é de 70 dias.

A Superintendência de Trânsito e Transportes Públicos em Campina Grande também aderiu ao SNE.

Aplicativo em lojas virtuais

Para se cadastrar, o usuário deve baixar o aplicativo do SNE disponível em lojas virtuais. Em seguida, precisa preencher os seguintes dados: CPF, e-mail, senha, registro da CNH e o código de segurança, para cidadãos habilitados. Já para pessoas não habilitadas, mas que possuem veículos em seu nome, os dados são os seguintes: CPF, e-mail, senha e o código de segurança do Certificado de Registro de Veículo (CRV).

“Quando baixar, o próprio aplicativo tem informação de como se deve proceder para realizar o cadastro. É bastante intuitivo e fácil. Além disso, embora essa não seja a função principal, caso o veículo seja roubado e uma infração seja cometida num local que está ligado ao SNE, o usuário será notificado da infração e assim saberá onde está o carro. Não é o objetivo do sistema, mas abre essa brecha para o rastreamento também”, explicou o diretor de engenharia do Detran-PB, Zeca de Sousa.

“Além disso, também estamos em contato com as operadoras de cartão de crédito para parcelarmos as multas. Assim, será uma relação entre o usuário e a operadora, mas ainda estamos em negociação”, frisou Sousa.

Após o cadastro no aplicativo, o usuário recebe um link por e-mail enviado pelo endereço portalservicos@portalservicos.denatran.serpro.gov.br, com informações para ativação da conta. O usuário será direcionado ao portal de serviços do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran).

Para cadastrar o veículo, é necessária a realização do login no aplicativo do SNE disponível para celulares ou no Portal de Serviços do Denatran. Na opção “Cadastrar veículo”, incluir todos os veículos de propriedade do usuário. Nesta etapa, é preciso preencher os campos “Placa” e “Renavam (Registro Nacional de Veículos Automotores), e confirmar a adesão do veículo.

Relacionadas