sábado, 21 de julho de 2018
Geral
Compartilhar:

Empresa pode abastecer a Paraíba por meio de consórcio

Edson Verber / 19 de janeiro de 2016
Foto: Rafael Passos
A reunião sobre criação de um consórcio privado de empresas de cabotagem para trazer combustíveis para a Paraíba, que ocorreria somente em um dia - na próxima quinta-feira) - foi ampliada e se estenderá até a sexta-feira, no Rio de Janeiro nas sedes da Transpetro e ANP (Agência Nacional de Petróleo). Na agenda, a crise financeira por qual passa a Transpetro e o risco da Petrobras criar um hub de combustível no Porto de Suape, em Recife, prejudicando e encarecendo o preço do etanol, gasolina e diesel. Uma nova empresa, a NorSul, estaria interessada em iniciar as operações na Paraíba.

As informações são do presidente do Sindicato da Indústria de Produção do Álcool da Paraíba e representante da comissão pró-consórcio privado de empresas de cabotagem para trazer combustíveis para a Paraíba, Edmundo Barbosa. Ele destacou ter sido necessário estender a estadia no Rio, face ao aumento das reuniões, que também ocorrerá na sede da ANP com a presidente, Magna Chambriand.

“Como já é de conhecimento público, a Transpetro passa por uma crise financeira e está sem condições de atender a demanda do mercado do Nordeste, principalmente, nos estados da Paraíba, Rio Grande do Norte e Alagoas. Com isso existe a possibilidade de a Transpetro deixar de operar em Cabedelo, com a Petrobras concretizando a ameaça de tornar o Porto de Suape um hub para distribuir o combustível para outros estados da região”, disse.

Leia mais no Jornal Correio da Paraíba.

Relacionadas