quinta, 19 de setembro de 2019
Geral
Compartilhar:

Café em Verso e Prosa apresenta a poesia de Letícia Simões

Rammom Monte / 12 de março de 2019
Foto: Divulgação
O que começou com uma despedida e uma reunião de amigos acabou se tornando uma espécie palco aberto da cena cultural paraibana. Um local de experimentação artística. É assim que hoje é visto o sarau Café em Verso e Prosa, pela sua idealizadora, a atriz e produtora Suzy Lopes. O tema da edição deste mês, que acontece hoje, é a poesia da escritora baiana Letícia Simões. A data também marca o aniversário de Suzy, que decidiu se presentear.

“Geralmente para os temas do sarau, eu escuto as pessoas, elas indicam e eu sempre atendo. Porque o sarau é de quem frequenta, não é feito para mim. Mas eu achei que neste eu poderia colocar um tema para mim, eu achei que eu merecia”, disse Suzy, revelando o motivo de ter como convidada Letícia.

Além da baiana, o sarau também terá a participação do bailarino Dan Oliveira, da escritora Terezinha Fialho e do ator, dramaturgo e teatrólogo Paulo Vieira. As atrações musicais são a cantora Myra, com seu novo projeto de música eletrônica, e o DJ Rick Mala, que já participa do sarau desde 2017. Além disto, quem quiser participar com sua arte, basta dirigir-se ao microfone aberto.

“(O sarau) Tem este grande objetivo, que as pessoas possam ter garantia de se mostrar publicamente. Começou como sarau, mas não tem exatamente um formato de sarau. É um espaço de experimentação, dança,m musica, poesia, fotos. Quem tá a fim de jogar, joga. Para mim este é o momento mais especial do sarau, quando abre o microfone, e as pessoas têm a liberdade de participar”, disse.

Segundo Suzy, embora março seja o mês das mulheres, este não foi o motivo da escolha por Letícia. Apesar disto, Suzy lembrou que todas as edições do sarau neste ano tiveram mulheres como homenageadas.

“Ontem fazendo o texto foi que eu percebi que em janeiro foi Adriana Vieira. E em fevereiro foi Zezita Matos. E agora Letícia. Mais cedo alguém tinha me perguntado se a escolha por Letícia era por ser em março, em homenagem às mulheres. Na verdade esta foi a última coisa que eu pensei”, disse.

Começou numa despedida. O que seria apenas um encontro entre amigos, completará 14 anos em abril. Suzy conta que o sarau nasceu de uma despedida da atriz paraibana Mayana Neiva, que estava indo para São Paulo, na época.

“Eu idealizei o sarau, quando Mayana Neiva estava indo para São Paulo. A gente lia muita poesia. Eu, Mayana e Priscila Holanda, era uma prática nossa. Eu dei a idéia de fazer um sarau. Juntar amigos em uma mesa lá no Empório, que é um bar que eu frequentei desde a minha adolescência. Mas eu não pensei em fazer um sarau no bar, pensei em ficar na mesa e ficar falando as coisas ali mesmo”, disse.

Mas, o que era para ser uma confraternização apenas de amigos, acabou envolvendo todo o bar. “Eu e Mayana somos pessoas um pouco exageradas, de gargalhadas altas. E de repente estávamos falando poesias altíssimas, dando gargalhada e ai o bar inteiro começou a olhar. Então, eu fui lá e pedi para baixar o som do bar. Foi muito pela vivência que eu tinha no bar, de extrema intimidade. Aí o som parou e o pessoal das mesas começou a falar poesia, recitar. Foi uma noite linda”, relembrou a atriz.

Passada a noite, alguns dias depois, o dono do estabelecimento voltou a ligar para Suzy com a ideia de retomar o projeto que havia nascido naquela noite.

“Uns 20 dias depois, (o dono do bar) Rodrigo me ligou chamando para fazer o sarau. Mas eu disse que não ia fazer sem Mayana, não queria fazer sozinha. Mas ele insistiu tanto que eu decidi aceitar. Eu fiz achando que ia fazer mais uns três ou quatro. Nunca tive a ideia de fazer um projeto mensalmente e agora em abril completa 14 anos”, finalizou.

A homenageada. Letícia Simões coleciona cartas, dedicatórias de livros usados e declarações de amor. Ela é autora do livro Daqui, em 1976, Acenei para Você e Pessoas de Quem Eu Roubei Frases. Dirigiu o longa-metragem Bruta Aventura em Versos, sobre a poeta Ana Cristina Cesar e prepara seu segundo documentário acerca do escritor Rodrigo de Souza Leão.

Relacionadas