segunda, 25 de janeiro de 2021

Campeonato Paraibano
Compartilhar:

Treze empata com Raposa e é finalista

Fernanda Figueirêdo / 23 de abril de 2017
Foto: Antônio Ronaldo
O empate de 0 a 0 entre o Treze e o Campinense, ocorrido ontem no Amigão, deu ao Galo a chance de estar, depois de quatro anos, de volta à final do Campeonato Paraibano. Após vencer por 2 a 1 no jogo de ida, o Treze tinha a vantagem do empate e soube aproveitar isso para matar o jogo contra seu maior rival, garantindo a vaga na etapa decisiva contra o Botafogo-PB. De quebra, o time ainda completa o calendário para o próximo ano, que era o principal objetivo do clube. Já o Campinense

Na partida de ontem, o time explorou as jogadas pelas laterais, principalmente com o atacante Dico e os passes de Marcelinho Paraíba, que participou ativamente no primeiro tempo. Quanto à defesa, o Galo permaneceu seguro durante todo o jogo. Com Ítalo bem posicionado, o Campinense não conseguiu concluir nenhuma de suas jogadas ofensivas.

Para a Raposa, faltou criatividade. Sem técnico, já que Ney da Matta foi demitido na última quinta-feira, o time teve dificuldades para armar as jogadas e oferecer perigo ao adversário. O ataque rubro-negro não funcionou. Augusto não apareceu durante a partida e Reinaldo Alagoano se limitou a jogadas de cabeceio, mas sem sucesso.

Aos 30 minutos do segundo tempo, Marcelinho Paraíba saiu para dar lugar a Roger Gaúcho. O Treze, que recuou, seguiu apostando nos contra-ataques, apesar de esbarrar na falta de capricho dos últimos passes. Com a classificação para a final do Campeonato Paraibano, o Galo vislumbra a disputa da Série D do Campeonato Brasileiro, além da Copa do Nordeste e Copa do Brasil.

O próximo passo do time, com o retorno do técnico Celso Teixeira, suspenso após ser expulso no primeiro jogo das semi-finais, será focar na preparação para o jogo contra o Belo. Muitas metas foram alcançadas, mas o time ainda sonha com o título estadual, que não vem desde 2011.

 

Relacionadas