terça, 16 de julho de 2019
Esportes
Compartilhar:

Técnico do Atlético critica desempenho da arbitragem

Franco Ferreira / 25 de janeiro de 2019
Foto: Reprodução/TV Correio
O treinador do Atlético de Cajazeiras, Ederson Araújo, não poupou críticas à arbitragem depois da derrota de 2 a 1 para o BotafogoPB, pela terceira rodada do Campeonato Paraibano, no estádio Almeidão. “Espero que a diretoria da Federação Paraibana de Futebol tome uma atitude, pois o que aconteceu foi vergonhoso”.

“A gente forma um time forte, para brigar com Botafogo, Treze e Campinense, mas acontece um fato desses. Não falo do árbitro (Marcelo Aparecido), mas dos assistentes (Herioberto Henrique e Luiz Diego). Não adianta mudar os árbitros e não os bandeiras”, desabafou.

Segundo o treinador do Trovão Azul, o seu time foi prejudicado duas vezes, com a validade de um dos gols do Botafogo e na anulação de um gol legítimo do Atlético. “Vocês sabem do que estou falando. Os erros dos assistentes foram claros”, afirmou o treinador afirmando ser vergonhoso.

Mesmo perdendo, o Atlético de Cajazeiras continua líder do Grupo B, com seis pontos ganhos, depois de três partidas disputas no Campeonato Paraibano. O time venceu o Serrano por 3 a 0, em Campina Grande, e ganhou do Treze por 2 a 0, em Cajazeiras. Mas, pode ser superado pelo Campinense que soma quatro pontos e joga domingo contra o Serrano.

O Atlético tem agora oito dias para se preparar, pois só volta a jogar no próximo dia 3, quando vai encarar o Nacional de Patos, no estádio Perpetão, em Cajazeiras. Até lá, o treinador Ederson Araújo terá tempo suficiente para trabalhar seu time visando a reabilitação.

Relacionadas