terça, 25 de junho de 2019
Natação
Compartilhar:

Paraibana Maria Eduarda César desponta no cenário nacional e passa a ser um dos novos talentos da natação

Allan Hebert / 13 de novembro de 2016
Foto: Rafael Passos
Na natação paraibana, que carece de grandes nomes – Kaio Márcio é uma exceção - uma jovem promessa começa o mostrar que pode ir longe no universo da modalidade. Trata-se da pequena Maria Eduarda César Raposo que, recentemente, faturou cinco medalhas de ouro no Norte-Nordeste, disputado na Vila Olímpica Parahyba, em João Pessoa.

Além das cinco medalhas na categoria Petiz 1 (50m e 100m borboleta, 50m peito e 50m livre e 200 medley), a pequenina, de apenas 11 anos, tem os melhores tempos do Brasil nas provas dos 50m e 100m borboleta, além dos 200m medley. O empenho nos treinos e os resultados conquistados nas últimas competições credenciam Maria Eduarda como uma nova joia do esporte no Estado.

Apesar da pouca idade, a nadadora já tem objetivos traçados para a carreira. Assim como a grande a maioria dos atletas, o seu principal sonho é disputar uma edição dos Jogos Olímpicos, como o paraibano Kaio Márcio, que já participou de quatro Olimpíadas, a última delas este ano, no Rio de Janeiro.

“Meu grande sonho é disputar uma Olimpíada e quem sabe conquistar um lugar no pódio. Vou treinar muito para chegar ao meu objetivo”, contou a nadadora do Clube dos Oficiais da Polícia e Bombeiro Militar da Paraíba (COPM-BM).

Para chegar ao seu objetivo, Maria Eduarda se espelha em alguns nadadores. Além de algumas estrelas da natação nacional, a jovem espera seguir os passos de um paraibano ainda desconhecido no esporte e que busca seu espaço no Minas Tênis Clube, local onde treina Kaio Márcio.

“Me espelho no Yuri Queiroga. Até pouco tempo ele treinava aqui com a gente e hoje está no Minas, que é um dos principais clubes do país. Acredito que ele já possa representar o Brasil nas Olimpíadas de Tóquio”, contou.

Leia Mais

Relacionadas