segunda, 08 de março de 2021

Treze
Compartilhar:

Treze completa 92 anos, sonhando com futuro promissor

Marques de Souza / 07 de setembro de 2017
Foto: Reprodução
Estádio Presidente Vargas - Treze_Ascom
Se orgulhando do passado e sonhando com um futuro ainda mais vitorioso, o Treze chega aos 92 anos de história. Motivado pelo vice-campeonato no Paraibano desse ano, que garantiu calendário completo em 2018, o Galo fala em “mudança”, antecipa o planejamento e repete agora o que Antônio Fernandes Bióca e outras 12 pessoas fizeram em 1925: sonhar.

Nessa trajetória quase centenária, o Alvinegro de João Paulo, Adelino e tantos outros craques coleciona vitórias, títulos e preenche de paixão a mente de milhares de torcedores paraibanos. No Estádio Presidente Vargas, que agora vive sob a hipótese de ser vendido, sobrevive a chama do futebol tradicional e nordestino, que há tantos anos alegra os domingos no bairro São José, em Campina Grande.

“É uma data que deve ser comemorada. A expectativa é muito grande, de muito trabalho. Estamos convictos de que o torcedor está feliz da forma como as coisas estão acontecendo e que ficará ainda mais. A torcida merece um time campeão e vamos nos esforçar para que isso aconteça”, afirmou o presidente do clube, Juarez Lourenço.

Para comemorar, o Treze preparou uma programação especial com Show Baile, lançamento de revista, queima de fogos, missa, e uma confraternização que acontece nesta quinta-feira, às 10h, no PV. A festa, porém, vai além do abraço entre seus membros. A grande alegria do dia é sobre o sentimento presente no coração de cada alvinegro que, como diz seu hino, é a “alegria do povo” que, de “tantas glórias e tradição”, a “cada dia sempre cresce mais”.

Relacionadas