quinta, 03 de dezembro de 2020

Botafogo
Compartilhar:

Leston Júnior agenda viagens para acompanhar possíveis reforços

Allan Hebert / 04 de outubro de 2017
Foto: Rafael Passos
Leston_tecBotafogoPB_RafaelPassos-9
Apresentado na última sexta-feira (27) como técnico do Botafogo para a próxima temporada, Leston Júnior está atento ao mercado de olho em reforçar o Belo para as quatro competições de 2018. Ainda sem data definida para se mudar para João Pessoa, o profissional voltou para Belo Horizonte no último domingo e, desde então, está trabalhando forte na montagem do elenco. Ele, inclusive, confirmou que vai acompanhar várias partidas in loco para avaliar atletas que podem reforçar sua equipe.

“Vou fazer algumas viagens para acompanhar alguns jogos, algo que já estava previsto antes mesmo de acertar com o Botafogo. Vou aproveitar para assistir algumas partidas da Série B e também da reta final da Série C. Acho que é importante o treinador acompanhar as partidas para se manter atualizado. Também existem alguns jogadores que estão no nosso radar e vamos acompanhá-los de perto”, revelou o técnico.

Antes de deixar a Capital paraibana no último domingo, Leston Júnior se reuniu com os dirigentes do Alvinegro da Estrela Vermelha já para tratar dos reforços. O técnico confirmou que algumas negociações já estão bem encaminhadas, mas que só a diretoria poderia falar sobre nomes.

Até o momento, o Botafogo tem apenas nove jogadores para a temporada 2018. São eles: os goleiros Edson e João Manuel, o zagueiro Walber, os laterais Carlos Renato e Luiz Paulo, os volantes Djavan, Magno e Patrick Mota e o atacante Dico, além de alguns nomes da base, que podem compor o elenco.

Por falar em categorias de base, Leston, que já trabalhou com atletas mais jovens em clubes importantes como Cruzeiro-MG, América-MG e Bahia-BA, revelou que no Botafogo também terá uma atenção especial aos garotos.

"Trabalhei por oito anos em categorias de base de três grandes clubes do futebol brasileiro e sei bem da importância que a base tem para as equipes, tanto no âmbito esportivo quando o financeiro e no Botafogo não será diferente. Vamos primeiro observar os atletas para saber quais têm condições de compor o elenco e, posteriormente, serem utilizados no time", explicou.

Relacionadas