quarta, 24 de fevereiro de 2021

Botafogo
Compartilhar:

De volta, zagueiro Plínio projeta duelo contra o Confiança com clima de final

Amauri Aquino / 23 de agosto de 2017
Foto: Raniery Soares
Não há mais tempo para chorar as derrotas passadas. Esse é um dos lemas do Botafogo. Depois de mais um revés no Campeonato Brasileiro da Série C. O confronto diante do Remo diminuiu de vez a gordura em relação ao Z-2 – o foco passa a ser único e exclusivamente na “decisão“, domingo, no Almeidão, contra o Confiança, nono colocado na classificação do Grupo A.

O zagueiro e capitão Plínio projeta um clima de final, e que segundo ele vai decidir o futuro da equipe.

“É o jogo mais importante do ano. Estamos encarando dessa forma, pois pode nos deixar a perto de uma classificação, como numa situação complicadíssima. Nós jogadores, estamos trabalhando para que tudo ocorra bem porque só uma vitória nos interessa”, explicou o atleta, que volta ao time após cumprir suspensão na partida do Mangueirão.

Na zaga alvinegra, ao lado do goleiro Michel Alves, é um dos titulares absolutos. O jogador já entrou em campo em 13 oportunidades no Brasileiro, ficando de fora apenas em duas oportunidades: nas derrotas para o Sampaio Corrêa, em casa, pela 9ª rodada e contra o Remo, jogo passado. Em ambos o Belo perdeu pelo placar de 2 a 1.

O camisa 3 do Belo diz que o clima para uma partida como essa não poderia ser diferente, mas faz uma ressalva quanto aos objetivos do time. Segundo Plínio, “se não der para classificar é de responsabilidade dos jogadores, ao menos, deixar o Botafogo onde o clube iniciou a temporada, com uma vaga na terceira divisão”, disse.

Plínio reconhece a dificuldade de enfrentar o Dragão, mas faz um pedido para que o torcedor compareça em bom número ao estádio, no próximo domingo. “Eu convoco o torcedor para ir ao Almeidão. É um jogo importante e espero que ele possa nos apoiar durante os 90 minutos de jogo”.

Relacionadas