domingo, 09 de maio de 2021

Série D
Compartilhar:

Expectativa para a decisão domina elenco do Campinense

Lídice Pegado / 29 de junho de 2018
Foto: Samy Oliveira/Campinense
O Campinense vive o seu melhor momento nestes últimos quatro anos e agora, está diante do passo que definirá o desfecho dessa história vivida em 2018. Vem acesso por aí ou o time nadou para morrer na praia? O fato é resta apenas um mata-mata para a Série C do Campeonato Brasileiro e a expectativa é de que esta conquista possa se concretizar para proporcionar novos ares à Raposa em 2019. O próximo adversário será o Ferroviário/CE e ontem foi o último treino em Campina Grande, antes do elenco viajar para Fortaleza-CE, palco dos primeiros 90 minutos desta batalha que terá 180.

Ontem, o técnico Ruy Scarpino comandou o último treino antes da viagem para as terras cearenses. Para a partida que acontecerá no domingo, a Raposa não contará com três nomes. O lateral Alex Murici e o goleiro Delone cumprirão suspensão automática, enquanto que o atacante Eduardo sofreu uma lesão no músculo posterior da coxa na atividade de ontem e está entregue ao departamento médico.

O time sairá de Campina Grande hoje com destino a Fortaleza. Amanhã à tarde, o Campinense fará um último treino, em local ainda indefinido pela comissão técnica.

Ao rubro-negro o que não tem faltado é garra. Ao total, este já é a terceira decisão na Série D em Campina Grande. Isso tem estimulado ainda mais o time a fazer o ‘dever de casa’ para não fazer feio diante da sua torcida.

Pensando nisso, o time está mantendo a concentração para uma partida difícil, com o intuito de trazer uma boa vantagem diante de um adversário respeitado. Para o técnico Ruy Scarpino, este será o confronto mais difícil que enfrentarão até agora.

“Esse é o adversário mais difícil. Chegou o momento da decisão, então tem que pensar que quem os que chegaram até aqui são os melhores. É o mais difícil, até agora. Temos que superá-lo, mas nossa equipe é boa e mostrou que é de decisão. Dentro da competição não podemos temer. Venha o adversário que for, precisamos encarar e superar”, pontuou o treinador.

Além disso, ele garante que a equipe está com a cabeça tranquila e que tem sempre reforçado que os jogadores precisam de dedicação total, pois a competição ainda não acabou e está em um dos seus momentos mais importantes.

O goleiro Jeferson se mostra cada vez mais confiante e apoiado pela torcida, que grita “meu goleiro é paredão” a cada defesa do ídolo. Para ele, o entusiasmo é o que tem impulsionado o time a fazer grandes apresentações diante dos adversários. O defensor ressaltou que o Ferroviário é um time muito qualificado e por isso merece respeito de qualquer time que enfrentá-lo.

“Quando se joga em uma decisão tem que está focado, atento e respeitando sempre o adversário, porque é também uma equipe de qualidade. Provaram isso na Copa do Brasil, batendo de frente com os clubes de Série A. Estamos preparados para o que der e vier. Essa é a hora da nossa torcida chegar junto e nos apoiar em mais uma decisão”, falou.

Relacionadas