sexta, 26 de fevereiro de 2021

Série D
Compartilhar:

Campinense sofre virada nos acréscimos

Allan Hebert / 21 de maio de 2017
Foto: João da Paz/PBEsportes
O Campinense estreou com uma derrota inaceitável na Série D do Campeonato Brasileiro. A Raposa saiu atrás, chegou a virar o jogo para 3 a 1 ainda no primeiro tempo, no entanto, levou três gols do Atlético-PE na segunda etapa, ontem, em partida disputada com portões fechados no Estádio Municipal de Carpina, e saiu de campo derrotada. No outro confronto do Grupo A8, o Fluminense de Feira-BA, goleou o Itabaiana por 4 a 1, fora de casa.

Um fato inusitado aconteceu antes do apito inicial. O jogo começou com 28 minutos de atraso porque a delegação do Atlético demorou a chegar ao estádio. A justificativa da diretoria do clube foi que o ônibus que transportava a equipe quebrou no caminho da praça esportiva.

Mesmo atuando fora de casa, o Campinense começou bem a partida, buscando criar boas oportunidades de gol. No entanto, quem saiu na frente foi o Atlético. Aos 31 minutos, o atacante Cajá aproveitou a sobra na área e colocou os donos da casa em vantagem.

A Raposa não sentiu o gol e conseguiu o empate quatro minutos depois. Augusto aproveitou cruzamento da esquerda e testou para a rede. Aos 41, veio a virada rubro-negra. Reinaldo Alagoano recebeu passe de Sávio e só finalizou para vencer o goleiro Juca.

E o Campinense queria mais. Antes do final da primeira etapa, Maranhão ampliou com uma pintura. O camisa 10 viu o arqueiro do Atlético adiantado e, por cobertura, marcou o terceiro.

O segundo tempo começou e o time pernambucano não demorou a descontar. O atacante Cesinha, que defendeu o Auto Esporte no Campeonato Paraibano, finalizou de fora da área para marcar o segundo.

Aos 38 minutos, Wellington aproveitou uma sobra na área e empatou. Quando a partida parecia que terminaria em 3 a 3, o Atlético chegou a vitória com um novo gol do camisa 9 Wellington, aos 48.

Na segunda rodada, que será iniciada no próximo domingo, o Campinense recebe o Itabaiana, às 17h, no Estádio Amigão, em Campina Grande. Fluminense de Feira e Atlético fecham a rodada na quarta-feira (31), no interior da Bahia.

 

Relacionadas