terça, 26 de janeiro de 2021

Futebol
Compartilhar:

Presidente do Treze morre vítima de infarto

Redação / 02 de março de 2017
Foto: Reprodução
O presidente do Treze Futebol Clube de Campina Grande, Petrônio Gadelha, de 66 anos, morreu na madrugada desta quinta-feira (2) vítima de um infarto fulminante. O diretor do clube alvinegro deu entrada na Clínica Santa Clara por volta das 21h30 da noite, mas não resistiu e faleceu.

Petrônio estava no comando do Galo da Borborema desde 2015, quando assumiu o comando do clube alvinegro após o ex-presidente Bebeto Silva renunciar o cargo. Ele deveria ficar à frente do time até o ano de 2018, mas com seu falecimento, o vice-presidente, Hênio Galdino, assume a presidência até o fim do mandato.

O velório deve acontecer em um cemitério particular localizado nas proximidades da Alça Sudoeste, na saída para cidade de Queimadas.

Paixão Antiga

Petrônio tem uma longa trajetória de amor com o Galo da Borborema. Natural de Sousa, no Sertão da Paraíba, Petrônio se apaixonou pelo Treze ainda rapaz. Engenheiro, resolveu ingressar no ramo do futebol em 2005, quando assumiu a presidência do clube Alvinegro pela primeira vez até o ano de 2008.

Nesse período, o Galo foi campeão estadual por duas vezes e fez uma campanha histórica na Copa do Brasil, chegando as quartas de final quando foi eliminado pelo Fluminense/RJ, nos pênaltis.

Desde então, Petrônio permaneceu nas diretorias do clube, mas apenas em 2015 assumiu novamente a presidência do time.

Relacionadas