sábado, 08 de maio de 2021

Futebol
Compartilhar:

FPF divulga edital e eleições para presidente serão em setembro

Raniery Soares / 01 de agosto de 2018
Foto: Rafael Passos
FPF_RafaelPassos-(1)
Por causa dos últimos acontecimentos, as eleições para escolher o novo presidente da Federação Paraibana de Futebol (FPF) já têm data marcada. A entidade divulgou ontem o edital e o processo está previsto para acontecer no dia 1º de setembro, durante uma assembleia geral. O evento está previsto para iniciar às 10h, se houver filiados suficientes ou às 11h, com qualquer número de clubes. A previsão é que o processo seja encerrado às 14h.

Além do presidente, também serão eleitos os 1º, 2º e 3º vice-presidentes, além dos membros do conselho fiscal, sendo três efetivos e três suplentes.

O registro de chapa será feito até o dia 22 de agosto, ou seja, dez dias antes do processo eleitoral. É bom lembrar que após uma reformulação no estatuto da entidade, provocada pelo ex-presidente Amadeu Rodrigues, para ser candidato é necessário o apoio de 16 filiados, sendo oito clubes profissionais e mais oito amadores ou ligas.

Esta será a segunda eleição após a saída da ex-presidente Rosilene de Araújo Gomes, que permaneceu no poder durante 25 anos e foi destituída após um processo judicial, à época, provocado pelo Auto Esporte Clube. Na época, o Time do Povo alegou que a ex-presidente fraudou o processo para se manter no comando da entidade.

No primeiro pleito, Amadeu Rodrigues foi o escolhido. Porém, o mesmo teve o seu nome envolvido na Operação Cartola, que foi responsável por promover uma ‘segunda revolução’ no futebol da Paraíba e em junho, o dirigente acabou sendo afastado do cargo por força judicial, assim como Rosilene, que foi peça fundamental na sua eleição.

Hoje, quem comanda a FPF é Nosman Barreiro, eleito na mesma chapa de Amadeu.

No edital de convocação, assinado pelo atual presidente, os nomes dos filiados que terão direito a voto no processo eleitoral será divulgado na próxima sexta-feira, no site da entidade.

Nomes

Ainda no campo dos bastidores, alguns nomes já se lançam como candidatos: o ex-diretor da FPF Eduardo Araújo, o ex-árbitro Marcílio Braz, o dirigente do CSP Josivaldo Alves, além da própria reeleição do presidente Nosman Barreiro

Relacionadas