segunda, 21 de setembro de 2020

Futebol
Compartilhar:

Federação e clubes discutem fórmula do Paraibano 2017

Franco Ferreira / 14 de outubro de 2016
Foto: Arquivo
Com antecipação, o Campeonato Paraibano de 2017 que deve começar na segunda quinzena de janeiro próximo, começa ser discutido nesta sexta-feira (14). Com proposta de mudanças, dirigentes da Federação Paraibana de Futebol e clubes se reúnem às 15h, na sede da FPF, em João Pessoa.

O regulamento do Paraibano de 2016 apresentou uma formula, com os times divididos em dois grupos. Isso não agradou a todos os clubes Por isso, existem seguimentos que aprovam uma modificação. Campinense, CSP, Internacional, sinalizam nesta direção. Um dos pontos contestados é a não realização do clássico entre Botafogo x Treze.

O presidente da Federação Paraibana de Futebol, Amadeu Rodrigues, apóia a possível mudança. “O ideal seria todos times joguem contra todos com jogos de ida e volta”. Mas segundo ele, “se couber no calendário. É o nosso grande problema”. Lembra Amadeu que foram os próprios aprovaram o atual regulamento.

O representante do Treze, Alan Kardec, não vai levar apresentar proposta. “Estamos estudando ainda”, disse, sem acrescentar se vai apresentar proposta na reunião de hoje. Já, o presidente do Sousa, Aldeone Abrantes, prefere ouvir os dirigentes dos outros clubes, para se pronunciar, em seguida.

“Eu, pessoalmente, acredito que uma solução que não mudaria muito os contornos do campeonato. Teria partidas de ida e volta. As melhores fariam a final”, disse o diretor jurídico do Internacional, Eduardo Araújo, alegando ser uma opinião sua. Mas segundo ele, tem uma informação que não pode ser modificada, mas concorda que depende dos clubes.

O representante do CSP tem uma sugestão que, os dois representantes da Paraíba na Copa do Nordeste não jogariam a primeira fase. Com isso, as oito equipes jogaram 14 jogos, entre ida e volta. O dois últimos colocados seriam rebaixados. O quinto e sexto colocados deixariam a competição. Os quatro classificados se juntariam aos dois do Nordestão e o título seria disputado em um hexagonal.

Relacionadas