segunda, 10 de dezembro de 2018
Futebol
Compartilhar:

Edson não se vê injustiçado, mas não esconde decepção após saída do Belo

Allan Hebert / 18 de abril de 2018
Foto: Rafael Passos
Edson_RafaelPassos
Titular no início da temporada 2018, o goleiro Edson falou pela primeira vez sobre a sua rescisão de contrato com o Botafogo, anunciada no último sábado, na véspera da estreia do clube na Série C do Campeonato Brasileiro. A saída do jogador foi confirmada um dia depois da contratação de Rhuan.

Questionado se teria sido injustiçado pelo técnico Leston Júnior, o atleta se esquivou, mas não escondeu a decepção por ter sido sacado do time. “Não sei se injustiçado é a palavra correta, mas não sei qual foi o critério utilizado por ele (Leston Júnior) para me sacar do time, mas agora é levantar a cabeça e procurar uma nova oportunidade para mostrar o meu trabalho”, explicou o argueiro de 24 anos.

Edson terminou o ano passado como titular nas rodadas finais da Série C e acreditava que 2018 seria o ano de se firmar de vez no Botafogo. Mesmo com a contratação de Remerson, goleiro campeão brasileiro pelo clube, ele foi escolhido para vestir a camisa 1. Com Edson no gol, o Alvinegro da Estrela Vermelha fez 12 jogos na temporada, com sete vitórias, quatro empates e apenas uma derrota para o Atlético-MG, por 4 a 0, pela Copa do Brasil. Ao todo, foi vazado 13 vezes, mas sem nenhuma falha clamorosa.

Sua última partida como titular foi no dia 15 de fevereiro, no 0 a 0 contra o Altos-PI, pela 3ª rodada da Copa do Nordeste. Depois disso, foi substituído por Remerson no clássico diante do Treze, em Campina Grande, no dia 18 do mesmo mês. Depois desta partida, Saulo foi contratado e não saiu mais do time.

Apesar da rescisão de contrato, Edson diz não ter mágoas e revela que só vai levar coisas boas da experiência de muitos anos no Bota.

"Fico feliz com a oportunidade que tive no Botafogo. Foi um clube que me acolheu de portas abertase que fez muito pelo meu crescimento profissional. Não tenho nada a reclamar do Botafogo", concluiu.

Futuro

Agora, Edson aguarda propostas para seguir seu caminho em outro lugar. Segundo ele, até o momento nada de concreto apareceu, mas afirmou que seu empresário está cuidando do assunto.

Relacionadas