quarta, 18 de setembro de 2019
Futebol
Compartilhar:

Desempenho do Botafogo-PB cai sem o meia Marcos Aurélio

Gabriel Botto / 07 de maio de 2019
Foto: Nalva Figueiredo
Nas duas primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro da Série C, um fato ficou bastante escancarado na escalação do Botafogo-PB. A ausência do meia Marcos Aurélio foi sentida drasticamente no setor de criação da equipe alvinegra, que fez duas apresentações abaixo do esperado, tanto na estreia diante do Ferroviário-CE, como na última partida, contra o Sampaio Corrêa.

A deficiência no meio de campo surtiu efeito na parte ofensiva do time da Maravilha do Contorno que no jogo contra a Bolívia Querida, por exemplo, mesmo com dois jogadores a mais, o Belo não conseguiu aproveitar a superioridade numérica para desempatar o placar e sair do Estádio Castelão com os três pontos na conta.

Se recuperando de uma lesão na coxa direita, o meia do Botafogo-PB está próximo de voltar aos gramados. A partida decisiva contra o Náutico, na próxima quinta-feira será o retorno do craque, justamente pela semifinal da Copa do Nordeste, que será disputada em jogo único, no Estádio Almeidão.

Fase ainda é boa. Apesar dos dois empates, a fase do Botafogo-PB ainda é muito boa. A última derrota do Belo foi contra o Londrina-PR, pela Copa do Brasil, há quase dois meses, no dia 13 de março. De lá para cá foram 13 jogos, sendo nove vitórias e quatro empates, o que mostra que os primeiros dois resultados da equipe na Série C podem ligar o alerta do treinador Evaristo Piza, para a partida contra o Náutico, onde só a vitória interessa ao Belo.

Ele fica. Um dos destaques do Botafogo-PB na temporada, Marcos Aurélio tem atraído olhares de outras equipes.

Porém, a diretoria do Belo garantiu que o meia segue firme na equipe para o restante da temporada. O último interessado no atleta foi o Santa Cruz-PE, mas o presidente do time paraibano, Sérgio Meira, afirmou que “não houve nenhum contato oficial entre as equipes”.

Além de Sérgio Meira, o vice-presidente de futebol do Belo, Adir Leme, falou que uma negociação em torno do meia Marcos Aurélio é uma possibilidade muito remota, destacando também que a ausência do atleta nas partidas fez muita falta à equipe. Leme disse também que uma das equipes que demonstrou interesse pelo jogador foi o Sport Recife.

“Não existe possibilidade alguma. Falei com o presidente e, até o momento não houve nada. O Marcos Aurélio está muito firme no Botafogo-PB, tá certo que houve interesse de outros clubes, inclusive do Sport-PE, mas ele está firme sim. Inclusive, é um atleta que fez muita falta ao elenco botafoguense nos dois primeiros jogos da Série C”, disse o vice-presidente de futebol do Belo, Adir Leme.

Relacionadas