sexta, 22 de janeiro de 2021

Copa do Nordeste
Compartilhar:

Vindo de derrotas, Botafogo aposta tudo por um triunfo diante do Vitória-BA pelo Nordestão

Allan Hebert / 05 de fevereiro de 2017
Foto: Rafael Passos
Vindo de uma derrota no clássico contra o Campinense, pelo Campeonato Paraibano, o Botafogo terá mais uma pedreira pela frente, agora pela Copa do Nordeste. Hoje, às 16h, no Estádio Almeidão, em João Pessoa, o Belo recebe o poderoso Vitória-BA, pela segunda rodada da competição regional.

Como perdeu a partida de estreia, diante do América de Natal, por 3 a 1, o Alvinegro da Estrela Vermelha precisa da vitória para seguir vivo na luta pela classificação. No entanto, terá pela frente uma equipe que investiu pesado para a competição e que venceu todas as três partidas oficiais que fez na temporada – duas pelo Campeonato Baiano e uma pelo Nordestão.

“Vai ser mais um jogo difícil, um jogo contra time de Série A, uma equipe que fez grandes investimentos para a temporada. Eu, como treinador, torço para que os atletas que eu não tenho à disposição retornem e que eu possa ter mais opções que nos ajudem nesse confronto dificílimo”, comentou o técnico Itamar Schülle.

Para o jogo contra o time baiano, Schülle novamente não vai poder contar com o zagueiro Bruno Maia e o volante Sapé, que seguem em processo de transição após se recuperarem de contusão. Outra baixa é o lateral-esquerdo Carlos Renato, que foi operado ontem de uma lesão no joelho direito e só deve voltar aos gramados no segundo semestre.

Em compensação, o treinador deve contar com o retorno do capitão Plínio, que ficou de fora das últimas duas partidas do Belo pelo Campeonato Paraibano, devido a um desconforto muscular na região pubiana. Raphael Luz, poupado contra o Campinense, também deve ficar como opção para o duelo diante do rubro-negro baiano.

Ficha Técnica:



Estádio: Almeidão

Horário: 16h

Arbitragem: Antônio Dib Moraes (PI), Francisco Nurisman Machado (PI), Rogério de Oliveira Braga (PI) e Clizaldo Maroja (PB).



Botafogo:
Michel Alves, Gustavo, Plínio, Gustavo Henrique e Luiz Paulo; Djavan, Fernandes e Marcinho; Wanderson, Rafael Oliveira e Diogo Campos

Vitória: Fernando Miguel, Leandro Salino, Fred, Alan Costa e Geferson; Uillian Correia, Willian Farias e Cleiton Xavier; David, Kieza e Paulinho.

Relacionadas