terça, 19 de janeiro de 2021

Copa do Brasil
Compartilhar:

Campinense joga bem no primeiro tempo, mas perde para a Ponte e é eliminado na estreia

Renata Fabrício / 08 de fevereiro de 2017
Foto: Antônio Ronaldo
O Campinense foi eliminado ontem pela Ponte Preta, na primeira fase da Copa do Brasil. Mesmo jogando lado a lado com o seu torcedor, a Raposa não soube aproveitar o fator casa e a Ponte, que só precisava empatar o jogo, no Estádio Amigão, acabou vencendo por 2 a 0.

Num jogo que começou equilibrado, a Raposa se atrapalhou e não conseguiu finalizar com qualidade. A Ponte Preta apostou em passes curtos, e mesmo com o elenco visivelmente sentindo a forma física ainda na segunda partida oficial do ano, o time paulista aproveitou as chances e em menos de dois minutos definiu o placar de classificação.

O primeiro gol da partida saiu aos 25 minutos do segundo tempo, num lance polêmico. Após confusão na área do goleiro Gledson, a bola sobrou na trave e o juiz entendeu que foi falta na pequena área.

Com um gol de pênalti, o atacante William Pottker aproveitou a chance e abriu o placar para o time paulista. Dois minutos depois, após várias trocas de passe, a bola sobrou para o atacante Lins que colocou a bola no canto direito de Gledson.

O rubronegro tentou reagir, mas não conseguiu. O time tinha a seu favor muitas bolas aéreas, mas teve dificuldade em finalizar com precisão. Sérgio China reforçou o time no setor ofensivo, ainda no segundo tempo, mas as mudanças não surtiram efeito no placar.

Para Negretti, o Campinense tentou agradar à torcida, mas foi pego de surpresa com a cobrança de pênalti que abriu o placar. “Acho que nosso time tentou corresponder às expectativas da torcida, mas depois daquele pênalti, não sei, o jogo ficou meio difícil”, disse.

Relacionadas