sexta, 19 de abril de 2019
Campeonato Paraibano
Compartilhar:

Serrano anuncia treinador ‘tampão’ até fim da punição de Celso Teixeira

Ainoã Geminiano / 06 de março de 2019
Foto: Arquivo
A direção do Serrano anunciou ontem a contratação de Arthur Ferreira, como treinador interino, para comandar a equipe na reta final do Campeonato Paraibano e evitar a queda do Lobo da Serra para a Segundona. O sonho do Serrano continua sendo o técnico Celso Teixeira, ex-Campinense, que chegou a ser anunciado na semana passada.

O problema é que Teixeira foi julgado e punido com seis jogos de suspensão, após ser expulso no Clássico dos Maiorais, em janeiro de 2018, acusado de ofensas e reclamações contra o então árbitro João Bosco Sátiro. Como ainda não cumpriu a suspensão, não haverá tempo para que Teixeira trabalhe com o Serrano, no Paraibano, já que faltam apenas três rodadas para o fim da primeira fase.

A saída do Lobo da Serra foi efetivar Arthur Ferreira, que já treinou equipes do futebol paraibano, como o antigo Sport Campina, atual Sport Lagoa Seca. Ele integrava a comissão técnica, atuando como auxiliar do técnico Evandro Júlio, afastado do cargo por problemas pessoais. Logo na estreia, Ferreira terá um duro desafio contra o Campinense, líder do Grupo B, no próximo domingo, no Amigão.

“O fato de já conhecer o elenco facilita o trabalho. Sei que serão três jogos difíceis que vamos enfrentar, mas vamos tentar fazer o melhor para ajudar o Serrano”, disse.

Degola



Sobre a receita para escapar da degola, Arthur foi objetivo. “A gente tem que vencer. Não tem o que fazer além disso. É montar o time, motivar a equipe e ir buscar a vitória. Sabemos que temos que motivar, colocar a cabeça dos jogadores em foco para que encarem o jogo de domingo como uma decisão, porque é uma decisão. Teremos três jogos que serão três decisões”, analisou.

Arthur lamentou a irregularidade que o time tem apresentado no Estadual. Mesmo como lanterna do Grupo A, o Serrano empatou fora de casa contra o vice-líder do B, Atlético de Cajazeiras e, no jogo seguinte, perdeu em casa para o vice-lanterna CSP.

“É difícil de explicar isso. Fizemos partidas muito boas contra o Perilina, contra o Atlético que tem batido de frente com as grandes equipes, mas pecamos nos posicionamentos em campo, contra o CSP. Tomamos dois gols muito cedo e saímos com a derrota. Mas agora temos que nos concentrar no próximo jogo contra o Campinense”, concluiu.

Treinador volta para Série D



Com a suspensão de Celso Teixeira confirmada, a direção do Serrano aguarda o treinador para a Série D do Brasileirão, que começa no mês de maio. Na última sexta-feira a CBF realizou o sorteio da fase de grupos. O Lobo da Serra enfrenta o América-RN, o Bahia de Feira de Santana-BA e o América-PE. A estreia é em casa, no primeiro final de semana de março.

Relacionadas