sexta, 20 de julho de 2018
Futebol
Compartilhar:

Botafogo quer novo futebol contra o CSP após sofrer contra Serrano

Allan Hebert / 14 de janeiro de 2018
Foto: Nalva Figueiredo
O futebol apresentado pelo Botafogo na estreia não foi o esperado pelo torcedor, que chegou a vaiar o time em alguns momentos, mas a vitória de virada sobre o Serrano deu confiança ao time para a sequência no Campeonato Paraibano 2018. Hoje, o Belo tenta embalar diante do Centro Sportivo Paraibano (CSP), às 16h, no estádio Almeidão, em João Pessoa.

A partida de logo mais deve marcar a estreia do meia Marcos Aurélio, de 33 anos, principal reforço do Belo para a temporada. Como só iniciou a pré-temporada no dia 22 de dezembro, o camisa 10 ainda não está 100% fisicamente para aguentar os 90 minutos. Até por isso, ele deve ficar como opção no banco de reservas e entrar no decorrer do jogo.

O técnico Leston Júnior confirmou que não fará muitas mudanças no time, mas pelo treinamento coletivo realizado na última quinta-feira, no Almeidão, ele tem ao menos uma dúvida para escalar os 11 titulares. Uma mudança certa será na defesa. Lula entrará no lugar de André Santos, que está entregue ao Departamento Médico.

Leston começou com a atividade com praticmanete o mesmo time que jogou contra o Serrano, mas no decorrer do treinamento colocou o atacante Marlon na vaga do volante Humberto, deixando a equipe com três homens na frente. Vale lembrar que o mesmo Marlon entrou muito bem no segundo tempo diante do Lobo da Serra e foi importante para o time buscar a virada.

O Tigre Praieiro também chega confiante para o confronto após ter conseguido um empate com o Sousa, em pleno Marizão, na estreia das duas equipes. Para o duelo contra o Belo, o técnico Léo Oliveira ganhará o reforço do zagueiro Gilmar, que foi regularizado na última quinta-feira e fica à disposição do comandante.

Relacionadas