sábado, 06 de março de 2021

Futebol
Compartilhar:

Belo visita o Moto e busca consolidação no G-4

Allan Hebert / 10 de junho de 2017
Foto: Ilustração Correio
Terceiro colocado no Grupo A da Série C do Campeonato Brasileiro, com sete pontos em quatro partidas, o Botafogo tenta se consolidar de vez no G-4 da competição nacional. No entanto, para isso, o Belo terá que superar o retrospecto negativo fora de casa e pontuar na partida contra o Moto Club-MA, hoje, às 16h, no Estádio Castelão, em São Luís.

Sonhando com a vitória, o Botafogo terá superar algumas baixas no time. Os laterais Lito e Jadson e centroavante Rafael Oliveira, machucados, não viajaram com o time e estão fora do jogo. Outro desfalque é o meia Marcinho, suspenso terceiro cartão amarelo. Sapé e Fernandes brigam pela vaga deixada pelo camisa 10. A tendência é que o primeiro seja o escolhido de Itamar Schülle.

Roger Gaúcho, ainda em processo de recondicionamento físicio, não foi relacionado e só deve estrear na próxima rodada, contra o Remo, no dia 19, no Almeidão. Já o zagueiro André Santos, que cumpriu suspensão diante do Salgueiro-PE, fica como opção no banco de reservas.

O Botafogo deve entrar em campo com: Michel Alves, Gustavo, Plínio, Bruno Maia e Alyson; Djavan, Magno, Sapé (Fernandes) e Cleyton; Dico e Warley.

Recuperado de dores no ombro, o lateral-esquerdo Lorran não deve ser problema para o jogo contra o Belo. Com isso, o Moto deve começar a partida com o mesmo time que foi derrotado pelo CSA-AL, na última rodada.

 

Diretoria confirma reforço para o ataque

Precisando de peças para reforçar o setor ofensivo, o Botafogo foi à Tailândia buscar o atacante Vanderlei, que estava defendendo o Ubon UMT, do país asiático. Aos 29 anos, o jogador ficou conhecido por uma grande passagem pelo River. Pelo time piauiense, no ano passado, Vanderlei enfrentou o Belo em quatro oportunidades e marcou duas vezes.

Vanderlei, que pode atuar nas pontas ou centralizado no comando do ataque, chega para compor um setor com poucas opções no Botafogo. Após o fim do Paraibano, vários atletas da posição deixaram o clube e, atualmente, o técnico Itamar Schülle só conta com Rafael Oliveira, Warley, Fernandinho e Dico.

O atacante deve se apresentar ao clube na próxima segunda-feira, no CT da Maravilha do Contorno. No entanto, mesmo que esteja em boas condições físicas, só poderá fazer sua estreia na 7ª rodada da Série C, quando o Botafogo vai enfrentar o Confiança, em Aracaju. Ele já está vetado do confronto contra o Remo, dia 19, porque a janela de transferências internacionais só abre um dia depois.

Relacionadas