quarta, 12 de maio de 2021

Futebol
Compartilhar:

Após novo tropeço, Leston Júnior não é mais o técnico do Botafogo

Allan Hebert e Halan Azevedo / 06 de junho de 2018
Foto: Assuero Lima
web Leston_tecBotafogoPB_RafaelPassos-5
Chegou ao fim a passagem de Leston Júnior no comando do Botafogo. Após mais um tropeço na Série C do Brasileiro, desta vez um empate em 1 a 1 diante do Globo-RN, o técnico entregou o cargo na tarde dessa terça-feira (5). Horas após pedir demissão, Leston Júnior explicou, em entrevista ao Portal Correio, os motivos que o fizeram sair do clube. Para ele, uma nova voz de comando pode fazer o clube voltar aos trilhos e vencer na temporada.

“Uma somatória de fatores [me levaram a tomar a decisão]. Principalmente por entender que um novo comando pode contribuir mais do que a gente vinha conseguindo fazer nesse atual momento de instabilidade coletiva do time”, disse.

Questionado sobre o rendimento da equipe e uma possível ‘panelinha’ de jogadores como um dos fatores para o fraco desempenho técnico do time no primeiro turno da Série C, e em uma suposta tentativa de tirá-lo do cargo, Leston Júnior afirmou que não tem do que reclamar do elenco.

“O grupo de atletas é extremamente profissional e comprometido. Não posso me queixar de nada no que diz respeito a isso. Os resultados que conquistamos dentro do clube foram graças ao comprometimento deles”, frisou .

Leston disse também que vai passar por um período de descanso antes de assumir algum clube. “Não tenho nada (proposta) em vista por enquanto. Vou para casa descansar e aguardar a movimentação do mercado”, concluiu.

Leston se despede do Botafogo com o título do Campeonato Paraibano e com o feito de ter classificado o time para o mata-mata da Copa do Nordeste após quatro eliminações consecutivas na fase de grupos.

Ao todo, o técnico dirigiu o Alvinegro da Estrela Vermelha em 34 partidas, com 17 vitórias, oito empates e nove derrotas, o que representa um aproveitamenento de 57,8%.

Enquanto não anuncia o futuro treinador, o Botafogo será comandado pelo auxiliar Ramiro Souza. Vale lembrar que o profissional livrou o Belo do rebaixamento à Série D no ano passado.

Relacionadas