quinta, 12 de dezembro de 2019
Futebol Americano
Compartilhar:

JP Espectros se vinga do Cuiabá Arsenal e vai disputar sua quarta final do Brasileiro

Allan Hebert / 19 de novembro de 2017
Foto: Nalva Figueiredo
O João Pessoa vai disputar o Brasil Bowl 2017. Neste domingo (19), em jogo disputado no Estádio Almeidão, os Fantasmas venceram o Cuiabá Arsenal por 40 a 21 se classificaram para a final do Campeonato Brasileiro de Futebol Americano. O adversário na decisão vai ser o Sada Cruzeiro, que na outra semifinal bateu o Coritiba Crocodiles por 17 a 10. O jogo será disputado no dia 10 de dezembro, no Estádio Independência, em Minas Gerais.

A partida teve clima de revanche para o time da casa, já que em 2012, as duas equipes se enfrentaram também na semifinal e o time motogrossense venceu por 21 a 20, adiando o sonho do Espectros conquistar o título nacional. A vingança fantasma demorou, mas enfim chegou.

A partida

O jogo começou truncado e, pela primeira vez na temporada, o Espectros saiu atrás no placar. Em bom ataque do Cuiabá Arsenal, o running back americano Kenneth Joshen fez o primeiro touchdown. Na tentativa do ponto extra, o chutador Raulin Leal converteu, abrindo 07 a 00.

Os Fantasmas não se abateram com a desvantagem e logo no início do segundo quarto conseguiram empatar o jogo. Everton Antero, o Pingo, usou sua força e velocidade para marcar o primeiro TD do Espectros. Diego Aranha anotou o ponto extra.

E a virada não demorou. O Espectros recuperou a bola em um ataque do Cuiabá e fez uma bela campanha até marcar mais um touchdown com Pingo, fazendo 13 a 07. Diego Aranha errou o chute. No finzinho, o chutador acertou um field goal, fechando o primeiro tempo em 16 a 07.

Na volta do intervalo, o jogou seguiu muito físico. No entanto, antes do fim do terceiro quarto, o JP Espectros ainda conseguiu aumentar a vantagem para 12 pontos, após Aranha converter mais um field goal.

No início do último quarto, o Cuiabá Arsenal foi logo colocando fogo no jogo, com um touchdown de Gustavo Henrique. Raulin anotou o ponto extra, diminuindo a vantagem para apenas cinco pontos.

Só que não deu nem tempo do time visitante comemorar. Logo no retorno, o americano Carlos Cox correu nada menos que 80 jardas para anotar mais um TD. Aranha converteu mais um ponto extra, deixando a vantagem novamente em 12 pontos.

Se a situação do Cuiabá já estava ruim, ficou pior logo no ataque seguinte. O time do Centro-Oeste perdeu a bola e o Espectros se aproveitou para pontuar mais uma vez, com um TD de Gaúcho. Aranha fez mais um ponto extra e o placar ficou 33 a 14.

Camacho ainda marcou um touchdown para o Arsenal, mas já era tarde. Raulin anotou o ponto extra fechando a partida em 33 a 21. Mas no finzinho o Espectros fez mais um TD e Aranha chutou para fechar o placar em 40 a 21.

Relacionadas