domingo, 15 de setembro de 2019
Futebol Americano
Compartilhar:

João Pessoa Espectros tenta o bicampeonato brasileiro

Allan Hebert / 16 de dezembro de 2018
O momento mais esperado do ano chegou para o João Pessoa Espectros. Após uma temporada regular perfeita e não dar chances aos adversários nos playoffs, o Fantasma disputa hoje, diante do Galo FA, a sua quinta final do Campeonato Brasileiro de Futebol Americano. A partida será disputada no estádio Almeidão, em João Pessoa.

Além de ter a torcida ao seu lado, o João Pessoa Espectros chega a mais uma decisão confiante pela grande campanha que fez até aqui. Em nove jogos – seis na temporada regular e outros três de playoffs – o time não saiu de campo em nenhum deles.

“Todo mundo está querendo que o jogo chegue logo. Todo o nosso trabalho ao longo do ano foi visando esta partida e vamos fazer de tudo para vencê-la. Nós não trabalhamos pensando em ficar em quarto, terceiro ou segundo, nós queremos conquistar mais uma vez o título brasileiro”, comentou o técnico do time paraibano, Kevin Veloso.

Assim como o Espectros, o Galo FA,, também vem invicto. De acordo com Kevin Veloso, para faturar o título, sua equipe precisa parar o forte ataque do adversário.

“Vai ser um jogo muito difícil, já que o time deles é muito forte no ataque e também na defesa. Mas nós temos que dar um jeito de parar o ataque do Galo, que é o ponto mais forte do time. Eles contam com muitos atletas importantes, de Seleção Brasileira, inclusive”, comentou o profissional.

Ano passado, o Espectros foi derrotado na final do Brasileiro pelo Cruzeiro, em partida disputada em Belo Horizonte. A Raposa encerrou as atividades no futebol americano e praticamente todo o time passou a vestir as cores do Atlético-MG. Por isso, Veloso diz ter um clima de revanche na partida, já que boa parte dos elencos esteve em campo na última decisão.

“Com certeza o jogo terá um clima de revanche. Nós vamos enfrentar o mesmo time, a mesma essência, a única coisa que muda é o time de futebol a qual eles estão representando este ano. Vamos motivados para buscar o título”, finalizou.

As últimas decisões. Hegemônico no cenário nordestino, já que faturou nada menos que nove vezes a conferência da região, o João Pessoa Espectros acumula algumas derrotas amargas em decisões. Até o momento, o time da Capital jogou quatro finais e venceu apenas uma.

A primeira decisão do Espectros foi na temporada 2013. O time teve a chance de disputar o título em casa. Em jogo disputado em Santa Rita, a equipe não resistiu ao forte time do Coritiba Crocodiles e foi derrotado por 24 a 13.

No ano seguinte, as duas equipes voltaram a se enfrentar e, mais uma vez, o time paranaense levou a melhor, venceu por 23 a 17.

A trilogia teve fim em 2015. Em um jogo marcante, que contou com mais de sete mil torcedores no estádio Almeidão, o João Pessoa Espectros deu o troco em cima do Crocodiles e venceu por 23 a 22 e tirou o grito de campeão entalado da garganta. A conquista foi ainda mais emocionante por que a virada veio no último lance, com o cronômetro já zerado, para a festa do torcedor fantasma.

No ano passado, o adversário foi o Cruzeiro, no estádio Independência, em Belo Horizonte. Os mineiros não deram chances ao Fantasma e venceram com tranquilidade, por 30 a 13. Agora, diante dos mesmos atletas que faziam parte da Raposa, o Espectros tentará a revanche em mais uma final de Campeonato Brasileiro.

Relacionadas