segunda, 20 de novembro de 2017
Esportes
Compartilhar:

FPF quer mudanças na Lei do Futebol para evitar falência dos clubes

Franco Ferreira / 21 de outubro de 2015
Foto: Rafael Passos
“O Governo Federal terá que fazer alguma mudança, criando uma flexibilização na nova Lei do futebol. Caso contrário, muitos clubes não terão condição de sobreviver e não queremos que as agremiações fechem”. A declaração do diretor jurídico da Federação Paraibana de Futebol, Marcos Souto Maior Filho, mostra quanto a diretoria da FPF está preocupada com o Profut.

A propósito, o presidente da FPF Amadeu Rodrigues, determinou uma reunião com os dirigentes dos clubes, para hoje, às 15h, na sede da entidade, quando serão repassados os pontos mais importantes da Lei criada pela presidente Dilma, que muda completamente a administração financeira de cada clube.

“Na verdade o presidente Amadeu nos incumbiu de estudar todos os pontos maléficos que prejudicam o futebol paraibano. Nós queremos nossos clubes crescendo e não sendo pressionados”, disse o diretor jurídico da FPF, acrescentando que, “as exigências da nova Lei não podem ser cumpridas nem pelos grandes clubes do Brasil”.

Leia mais no Jornal Correio da Paraíba. 

Relacionadas