quarta, 19 de dezembro de 2018
Esportes
Compartilhar:

Belo vence Sousa e se classifica para semis do Paraibano

Gustavo Medeiros / 15 de março de 2018
Foto: Rafael Passos
belo-vence-sousa-e-se-classifica-para-semifinais-do-paraibano
O Botafogo-PB venceu o Sousa por 3 a 1 na noite desta quinta-feira (15), no estádio Almeidão, em João Pessoa, e, com isso, avança às semifinais do Campeonato Paraibano. Após ser derrotado por 1 a 0 no jogo de ida, o Belo, por ter feito melhor campanha, precisava apenas de uma vitória simples para eliminar o Dinossauro. Na próxima fase, a equipe pessoense enfrentará o Treze, com primeiro jogo marcado para este domingo (18).

O jogo começou bastante estudado, mas o Botafogo-PB demonstrava maior vontade de ir ao ataque. O Belo tinha mais posse de bola, mas encontrava um Sousa bem postado na defesa. O placar, no entanto, não demorou a sair do zero. Aos 11 minutos, Felipe Cordeiro foi derrubado por Camilo dentro da área do Sousa e o árbitro marcou pênalti, sob protesto dos atletas do Dinossauro. Em boa cobrança, o atacante Nando mandou no canto direito superior e deslocou o goleiro Alencar Baú, estufando a rede e colocando o time da casa em vantagem.

Após o pênalti, o Botafogo-PB tentou seguir pressionando, mas o Sousa reagiu bem ao gol sofrido, melhorando em campo e equilibrando a partida, tendo também mais posse de bola.

Apesar de o equilíbrio ter ocorrido até o fim do primeiro tempo, no início da segunda etapa o Belo tratou de esfriar os ânimos da equipe visitante. Logo aos três minutos, Dico tocou de cabeça e, após falha feia de André Lima, do Sousa, a bola ficou com Nando, que teve todo o tempo do mundo para dominar e mandar para o gol, marcando o segundo dele e ampliando para os donos da casa.

A vantagem alvinegra foi consolidada aos 10 minutos do segundo tempo. Felipe Cordeiro avançou pela direita e cruzou para o meio da área. Marcos Aurélio, camisa 10 do Botafogo-PB, pegou de primeira e mandou para as redes, fazendo um bonito gol e ampliando a diferença para 3 a 0.

Com a boa vantagem, o Belo passou a controlar melhor as ações dentro de campo, enquanto o Sousa parecia sem condições para empatar no Almeidão. Mesmo assim, aos 28 minutos, o Dinossauro ainda marcou seu gol de honra. Gleidson tentou a finalização e Gladstone ainda interceptou antes da bola sobra para Ramon Reis, que completou para as redes e marcou o único gol do time sertanejo na partida, fechando o placar em 3 a 1.

Relacionadas