terça, 19 de janeiro de 2021

Campeonato Paraibano
Compartilhar:

Belo e Raposa duelam em situações distintas

Allan Hebert / 01 de fevereiro de 2017
Foto: Rafael Passos
O confronto entre Botafogo e Campinense vem sendo um dos jogos de maior rivalidade no Estado nos últimos anos. Além de trocas de farpas e confusões nas partidas, as equipes venceram as últimas cinco edições do Campeonato Paraibano - três títulos para a Raposa e dois para o Belo. Hoje, as duas equipes voltam a se encontrar em situações distintas. Enquanto o Alvinegro da Estrela Vermelha lidera o certame estadual com certa folga, o time de Campina Grande está mais próximo da zona de rebaixamento do que do G-4.

Uma vitória do Botafogo na partida de hoje, às 20h30, no Estádio Almeidão, pode até colocar o rival na lanterna do Estadual após o fim da sétima rodada, desde que Auto Esporte, Sousa e Paraíba vençam seus jogos, respectivamente, e tirem uma pequena diferença de saldo de gols. Até por isso, os jogadores do time da Capital devem entrar com vontade a mais para afundar o rival na crise.

Ano passado, as equipes se enfrentaram na final e o Campinense levou a melhor, sangrando-se bicampeão estadual. Agora, o Botafogo chega ao clássico em melhor momento. Em seis jogos disputados, o time somou cinco vitórias e apenas uma derrota. Com 15 pontos, o time de Itamar Schülle tem 83,3% de aproveitamento na competição.

A Raposa, por sua vez, vem afundada na crise. Desde a primeira rodada não sabe o que é vencer e está apenas na sétima colocação, com seis pontos. A fraca campanha fez com que o técnico Paulo Foiani fosse demitido antes do clássico contra o Treze, pela quinta rodada. No entanto, pouco mudou e, em dois jogos com Sérgio China, o rubro-negro somou apenas um ponto.

Relacionadas