domingo, 16 de maio de 2021

Turismo
Compartilhar:

Sebrae realiza série de reuniões com gestores para identificar potencial das cidades

Fábio Cardoso / 20 de novembro de 2015
Proposta é desenvolver ações em torno de um novo entendimento de execução das atividades do setor, unindo interesses comuns dos setores público e privado. Essa nova realidade parte do desenvolvimento do turismo de experiência e vivência, que coloca o estado entre os principais destinos do Brasil, o primeiro do Nordeste, com um elenco de mais de 150 atividades em 14 municípios que abrangem todas as regiões.

Até o primeiro semestre de 2016 serão inseridas mais quatro cidades. Para avançar no processo de discussão de projetos a serem executados, o Sebrae da Paraíba finalizou, ontem, uma série de reuniões com os prefeitos de três regiões durante o Workshop de Lideranças Municipais. Nos encontros, a consultora do Sebrae, Tânia Zapata, coordenou as atividades, lançando desafios a serem trabalhos dentro de uma espécie de territórios que busca somar as idéias para um fim comum, extinguindo as políticas assistencialistas.

Na opinião de Tânia Zapata, o assistencialismo é “uma praga”, que sobrevive de favores, ação típica de gestores sem compromissos com o desenvolvimento comum. Nos territórios, segundo ela, estão as pessoas que pensam e buscam os caminhos comuns, com propósitos e projetos para todos, “sem favores”.

Durante o evento, o prefeito de Bananeiras, Douglas Lucena, que falou pelos outros oito prefeitos presentes no workshop, elencou uma série de gargalos que precisam ser resolvidos para estruturar ainda mais a atividade turística na Paraíba, essencialmente, no interior do estado.

Leia mais no jornal Correio da Paraíba

Relacionadas